Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/975274
Title: Resistência multipla e resposta de hiperasensibilidade do cafeeiro 'Conilon 14' a Meloidogyne ssp.
Authors: LIMA, E. A. de
FURLANETTO, C.
SOUSA, M. G.
MENEZES, A. C. M.
SOUSA, F. R. de
ALMEIDA, M. R. A.
SERGIO JÚNIOR, A.
FERRAO, M. A. G.
CARNEIRO, R. M. D. G.
Affiliation: EDRIANA ARAÚJO DE LIMA, UNB; CLEBER FURLANETTO, UNB; MARIANA G. SOUSA, Bolsista Consórcio Pesquisa Café; ANA CRISTINA M. MENEZES; FÁBIO RODRIGUES DE SOUSA, Bolsista Consórcio Pesquisa Café; MARIA RITTA ALVES ALMEIDA, Bosista Consórcio Pesquisa Café; ALDEMIRO SERGIO JÚNIOR, Bolsista Consórcio Pesquisa Café; MARIA AMELIA GAVA FERRAO, SAPC; REGINA MARIA DECHECHI G CARNEIRO, CENARGEN.
Date Issued: 2013
Citation: In: SIMPÓSIO DE PESQUISA DOS CAFÉS DO BRASIL, 8., 2013, Salvador. Sustentabilidade e inclusão Social. Brasília, DF: Embrapa Café, 2013.
Description: Os nematoides das galhas (NG), Meloidogyne spp. causam um grande impacto econômico na produção de café no Brasil. Embora, Coffea canephora seja fonte de resistência a Meloidogyne spp., não existem estudos histológicos que comparem mecanismos de resistência de cafeeiros: suscetível e resistente. Dois clones de cafeeiros Conilon, 14 e 22, foram selecionados previamente, como resistente e suscetível a M. incognita e M. paranaensis. A reação dos diferentes clones foi semelhante para as duas espécies de nematóides estudadas. O clone 14 apresentou reação de hipersensibilidade (RH) a partir do 4° ao 6° dias após a inoculação (DAI), na região do cortex da raiz, o que provocou morte celular, impedindo o nematoide de se desenvolver. Ao 12° DAI, ocorreu a formação de poucas células gigantes na região do cilindro vascular, ao lado de J3/J4 se desenvolvendo normalmente. A partir do 20° ao 45°DAI foi observada RH, com morte celular ao redor de fêmeas e células gigantes, estando essas completamente degeneradas. Nesse período, algumas fêmeas que conseguiram se desenvolver apresentaram formação de primórdios dos ovários e não se observou a produção de ovos. Já nos clones suscetíveis, 22 e Catuaí IAC 81, células gigantes bem formadas e fêmeas adultas apareceram do 38° ao 45° DAÍ, com produção de ovos. Algumas plantas inoculadas foram mantidas até o 300 DAÍ para quantificar novamente os Fatores de Reprodução (FR). Esses resultados servirão de base para estudos posteriores de expressão gênica para examinar profundamente a resistência ao NG a nível molecular.
Thesagro: Nematóide
Keywords: Cilindro vascular
Nível molecular
Language: pt_BR
Type of Material: Anais e Proceedings de eventos
Access: openAccess
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (SAPC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Resistenciamultiplaeresposta.pdf311,82 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace