Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/994566
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSANTOS, R. R. S. dospt_BR
dc.contributor.authorSILVA, M. P. dapt_BR
dc.contributor.authorROCHA, V. K. G. dapt_BR
dc.contributor.authorGOMES JUNIOR, R. A.pt_BR
dc.date.accessioned2014-09-09T11:11:11Zpt_BR
dc.date.available2014-09-09T11:11:11Zpt_BR
dc.date.created2014-09-09pt_BR
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.citationIn: SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 18.; SEMINÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA EMBRAPA AMAZÔNIA ORIENTAL, 2., 2014, Belém, PA. Anais. Belém, PA: Embrapa Amazônia Oriental, 2014.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/994566pt_BR
dc.descriptionOs híbridos interespecíficos entre caiaué e dendezeiro (HIE OxG) são resistentes ao amarelecimento fatal (AF), principal problema fitossanitário da dendeicultura. Contudo, o cultivo de HIE OxG em tecnologia adequada é recente no país e pouco se sabe sobre seu potencial agronômico no período juvenil. Este trabalho teve por finalidade caracterizar agronomicamente uma população de HIE OxG em área de ocorrência do AF durante o período juvenil. O estudo foi realizado em três experimentos com quarenta e duas progênies de HIE OxG. Foram avaliadas as características produção total de cachos (PTC), número de cachos (NC) e peso médio dos cachos (PMC) durante quatro anos.O terceiro ano de colheita apresentou maior PTC (24.827 Kg.ha-1), seguido pelo quarto (22.655 Kg.ha-1), segundo (21.192 Kg.ha-1) e primeiro (7.306 Kg.ha-1). A correlação entre PTC e idade do plantio foi praticamente nula (r2 = 0,0385). O PMC apresentou aumento linear do primeiro (4,8 Kg.cacho-1) ao quarto (12,0 Kg.cacho-1) ano de colheita, com correlação de elevada magnitude com a idade da planta (r2 = 0,7872). O NC variou de 10,1 a 22,2 cachos.planta-1. Ao considerar os dados mensais houve correlação mediana e negativa (r2=-0,4549) entre NC e idade do plantio. Os dados de produção destes experimentos são equivalentes ou superiores aos relatos para as cultivares de dendezeiro. De maneira similar a literatura do dendezeiro, o HIE apresentou aumento do PMC e redução do NC em relação ao aumento da idade do plantio.pt_BR
dc.format1 CD-ROM.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectPalma de óleopt_BR
dc.titleDesempenho agronômico de híbridos interespecíficos entre o dendezeiro e o caiaué no período juvenil.pt_BR
dc.typeArtigo em anais e proceedingspt_BR
dc.date.updated2014-09-09T11:11:11Zpt_BR
dc.subject.thesagroDendêpt_BR
dc.subject.thesagroElaeis Oleiferapt_BR
dc.subject.thesagroElaeis Guineensispt_BR
riaa.ainfo.id994566pt_BR
riaa.ainfo.lastupdate2014-09-09pt_BR
dc.contributor.institutionRaissa Rafaella Silva dos Santos, BOLSISTA PIBIC; Márlone Progênio da Silva, BOLSISTA CPATU; Vivian Kelly Gomes da Rocha, ESTAGIÁRIA CPATU; RUI ALBERTO GOMES JUNIOR, CPATU.pt_BR
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPATU)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Pibic41.pdf171,08 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace