Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/995051
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorOLIVEIRA-CAUDURO, Y. dept_BR
dc.contributor.authorADAMUCHIO, L. G.pt_BR
dc.contributor.authorDEGENHART-GOLDBACH, J.pt_BR
dc.contributor.authorBESPALHOK FILHO, J. C.pt_BR
dc.contributor.authorDIBAX, R.pt_BR
dc.contributor.authorQUOIRIN, M.pt_BR
dc.date.accessioned2015-03-11T02:59:52Z-
dc.date.available2015-03-11T02:59:52Z-
dc.date.created2014-09-16pt_BR
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.other52736pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/995051pt_BR
dc.descriptionOs objetivos deste trabalho foram avaliar diferentes meios de cultura na organogênese indireta e na multiplicação in vitro de brotos de Eucalyptus benthamii x Eucalyptus dunnii. Para organogênese, explantes foliares foram excisados no sentido transversal e cultivados in vitro, sendo os seguintes fatores testados: dois meios de cultura (MS N/2 e JADS) adicionados de 0,1 ?M de ANA, duas concentrações de thidiazuron (0,1 e 0,5 ?M) e presença ou não de PVP-40 (250 mg L-1). Após 70 dias de cultivo foram avaliadas as porcentagens de explantes oxidados totalmente, formando calo, produzindo antocianina, formando gema, formando brotações e o número de brotações formadas por explante regenerando. No experimento de multiplicação, brotações isoladas foram cultivadas em meio MS, JADS e WPM, adicionados de 1,11 ?M de BAP. Foram realizados quatro subcultivos a cada 28 dias e em cada subcultivo foram avaliados: a porcentagem de oxidação, de explantes apresentando clorose total ou parcial, massa fresca e número médio de brotos por explante. O meio de cultura MS N/2 suplementado com 0,1 ?M de ANA, 0,5 ?M de TDZ e PVP-40 promoveu a maior taxa de organogênese (8,3%). No meio de cultura MS com 1,11 ?M de BAP, a taxa de multiplicação foi maior que nos outros meios, no primeiro e segundo subcultivos (9,28 e 9,24 por mês), não havendo diferença entre os três meios nos demais subcultivos.pt_BR
dc.description.uribitstream/item/120062/1/2014-API-Juliana-OrganogeneseIndireta.pdfpt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherCiência Florestal, Santa Maria, v. 24, n. 2, p. 347-355, abr./jun. 2014.pt_BR
dc.relation.ispartofEmbrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.subjectEspécie lenhosapt_BR
dc.subjectRegulador vegetalpt_BR
dc.subjectRegenerationpt_BR
dc.subjectWoody speciespt_BR
dc.subjectPlant growth regulatorspt_BR
dc.subjectCulture medium.pt_BR
dc.titleOrganogênese indireta a partir de explantes foliares e multiplicação in vitro de brotações de Eucalyptus benthamii X Eucalyptus dunnii.pt_BR
dc.typeArtigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.date.updated2015-03-11T02:59:52Zpt_BR
dc.subject.thesagroMeio de Culturapt_BR
dc.subject.thesagroRegeneração.pt_BR
dc.ainfo.id995051pt_BR
dc.ainfo.lastupdate2015-03-10pt_BR
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.5902/1980509814572pt_BR
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014APIJulianaOrganogeneseIndireta.pdf551,42 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace