Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1000445
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Uva e Vinho - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 18-Nov-2014
Tipo do Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: GIUSTINA, P. G. D.
KOVALESKI, A.
BARROS, C. A. de
LEOLATO, L. S.
Informaçães Adicionais: ADALECIO KOVALESKI, CNPUV.
Título: Competitividade sexual pré-zigótica em Mosca-das-frutas Anastrepha Fraterculus (Wiedmann, 1830) (Diptera: Tephritidae).
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENTOMOLOGIA, 25., 2014, Goiânia, GO. Resumos... Goiânia: Embrapa Arroz e Feijão; Universidade Federal de Goiás, 2014.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Competitividade sexual pré-zigótica.
Conteúdo: A mosca-das-frutas Anastrepha fraterculus é a principal praga da maçã e a técnica do inseto estéril seria uma alternativa para seu controle. O presente trabalho avaliou a competitividade sexual pré-zigótica entre três populações de A. fraterculus: selvagens, de laboratório e laboratório esterilizadas. O estudo foi conduzido em gaiolas teladas na Estação Experimental de Fruticultura de Clima Temperado (EEFCT), Vacaria, RS. A população selvagem foi obtida dos frutos de Feijoa sellowiana e as de laboratório obtidas da criação experimental do Laboratório de Entomologia da EEFTC, criadas artificialmente. O processo de esterilização foi realizado pelo Centro de Energia Nuclear na Agricultura, Piracicaba, SP, em pupas 24 horas antes da emergência, a uma taxa de 135,65 Gy/h. Logo após a emergência os adultos foram separados por sexo e alimentados de acordo com o sistema de criação. No dia anterior ao teste foram identificados com tinta. Os ensaios foram conduzidos às 8:00 da manhã liberando-se 30 machos de cada população e 30 minutos depois as respectivas fêmeas. Para população de laboratório foram usados adultos de 8 a 10 dias de idade e para selvagem de 15 a 18 dias. Para cada combinação foram realizadas oito repetições. Foram observados e capturados os casais formados registrando a cor e a duração das cópulas. Todas as observações foram realizadas do interior da gaiola durante 3 horas. Os casais foram separados em gaiolas de acordo com sua combinação para avaliação da viabilidade dos ovos. Os resultados foram analisados de acordo com o Índice de Isolamento Sexual (ISI) e os relativos à viabilidade de ovos foram comparados ao padrão da espécie. Os resultados indicaram que há compatibilidade sexual entre as populações, mas que o processo de radioesterilização afetou a competitividade sexual. Os ovos obtidos de cópulas envolvendo a população esterilizada geraram ovos inviáveis e as fêmeas estéreis não produziram ovos.
Thesagro: Fruticultura
Maçã
Praga de planta
Mosca das frutas
Inseto
Anastrepha Fraterculus.
Ano de Publicação: 2014
Aparece nas coleções:Resumo em anais de congresso (CNPUV)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
resumo0515.pdf106,34 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace