Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1002456
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 12-Dez-2014
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: CARVALHO, A. V.
MATTIETTO, R. de A.
RIOS, A. de O.
MORESCO, K. S.
Informaçães Adicionais: ANA VANIA CARVALHO, CPATU; RAFAELLA DE ANDRADE MATTIETTO, CPATU; Alessandro de Oliveira Rios, UFRGS; Karla Suzana Moresco, UFRGS.
Título: Mudanças nos compostos bioativos e atividade antioxidante de pimentas da região amazônica.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuária Tropical, v. 44, n. 4, p. 399-408, out./dez. 2014.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Capsicum L.
Ácido ascórbico
Carotenoides
Fenóis
BAG
Antioxidação.
Conteúdo: A Embrapa Amazônia Oriental possui um Banco Ativo de Pimenteira com diferentes genótipos do gênero Capsicum, os quais ainda não foram analisados, quanto às suas características funcionais e capacidade antioxidante. Este estudo objetivou determinar os teores de ácido ascórbico, compostos fenólicos, carotenoides totais e a atividade antioxidante total, em frutos imaturos e maduros de genótipos de pimentas Capsicum spp. As concentrações de vitamina C (100,76-361,65 mg 100 g-1 nos frutos imaturos e 36,70-157,76 mg 100 g-1 nos maduros) decresceram com a maturação dos frutos. Carotenoides totais não foram detectados nos frutos imaturos, porém, nos frutos maduros, observaram-se valores de 73,80-1349,97 mg g-1, em função do genótipo. Os teores de compostos fenólicos aumentaram nos frutos maduros (147,40-718,64 mg GAE 100 g-1), para oito dos nove genótipos avaliados. Os frutos de pimenteira apresentaram significativa atividade antioxidante (55,02-92,03 mM trolox g-1 nos frutos imaturos e 39,60-113,08 mM trolox g- 1 nos maduros). Concluiu-se que o grau de maturação dos frutos influenciou nos teores de compostos bioativos dos genótipos estudados. Destacaram-se, como genótipos promissores com potencial para serem utilizados em programas de melhoramento genético, IAN-186301 e IAN-186324, pelos altos teores de carotenoides totais; IAN-186301, IAN-186311, IAN-186312 e IAN-186313, com relação às altas concentrações de ácido ascórbico; IAN-186304 e IAN-186311, pelos altos teores de compostos fenólicos; e IAN-186311, para atividade antioxidante.
Thesagro: Pimenta.
Ano de Publicação: 2014
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPATU)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ArtigoPublicado.PDF298,6 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace