Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1006741
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio Ambiente - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 26-Jan-2015
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: NECHET, K. de L.
TERAO, D.
SILVA, A. M.
VIECELLI, M. P.
HALFELD-VIEIRA, B. de A.
Informaçães Adicionais: KATIA DE LIMA NECHET, CNPMA; DANIEL TERAO, CNPMA; ADRIANE MARIA DA SILVA, FAJ; MONICA PIROLA VIECELLI, FAJ; BERNARDO DE ALMEIDA HALFELD VIEIRA, CNPMA.
Título: Efeito de tratamentos alternativos na pós-colheita na expressão de peroxidases em frutos de laranja, manga e melão.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE FRUTICULTURA, 23., 2014, Cuiabá. Anais... Cuiabá: Sociedade Brasileira de Fruticultura, 2014. Ref. TRA3278.
Páginas: 4 p.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Controle alternativo
Conteúdo: Resumo: O atual conceito de qualidade enfatiza frutas livres de resíduos químicos danosos à saúde humana, com especial atenção à saúde de crianças. Por isso, a produção e manuseio de frutas, usando estratégias alternativas para reduzir ou mesmo substituir a aplicação de produtos químicos sintéticos, no controle de doenças pós-colheita, tem merecido grande destaque. Dentre os métodos alternativos de controle, os tratamentos físicos, pela aspersão de água quente sobre escovas rolantes e a irradiação de luz ultravioleta-C; e o uso de biocontroladores têm mostrado resultados promissores, tanto pelo controle direto do agente causal, como indireto pela alteração na fisiologia da fruta, retardando o processo de maturação, preservando ou mesmo induzindo resistência. Nesse sentido é importante o estudo da atividade enzimática de frutas submetidas a esses tratamentos, como um marcador bioquímico de estresse, que pode resultar tanto na ativação de mecanismos de defesa contra agentes fitopatogênicos, como acelerar o processo de senescência da fruta. O objetivo deste trabalho foi determinar se diferentes tratamentos alternativos em pós-colheita alteram a atividade de peroxidases em frutas de laranja, manga e melão, ao longo de cinco dias de armazenamento em câmara fria.
Thesagro: Doença de planta
Pós-colheita
Manga
Laranja
Abacaxi
Controle biológico
Controle térmico
Peroxidase
NAL Thesaurus: Plant diseases and disorders
Postharvest diseases
Hot water treatment
Ultraviolet radiation
Biological control
Ano de Publicação: 2014
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPMA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014AA36.pdf70,55 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace