Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1012176
Unidade da Embrapa/Coleção:: Área de Informação da Sede - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 26-Mar-2015
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: ALVES, E. R. de A.
Informaçães Adicionais: ELISEU ROBERTO DE ANDRADE ALVES, DE-PR.
Título: Dualidade da agricultura brasileira.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: Revista de Política Agrícola, Brasília, DF. v. 23, n. 4, p. 3-4, Out./Nov./Dez. 2014.
Idioma: pt_BR
Notas: Carta da Agricultura. Na publicação: Eliseu Alves.
Conteúdo: Há mais de uma forma de caracterizar a dualidade. Neste caso, a dualidade será explicitada em termos de volume e de valor de produção. Os dados são do Censo Agropecuário 2006 (IBGE, 2012) e incluem os estabelecimentos que declaram produção e exploração da terra. Nessa categoria, estão 4.400.527 estabelecimentos, que cobrem todo o território nacional. A dualidade, em números redondos, significa que 11,4% desses estabelecimentos, cerca de 500 mil, produziram 87% de todo o valor da produção de 2006, e que 3,9 milhões deles (88,6%) geraram apenas 13%. Ou seja, muitos produziram muito pouco e poucos produziram a maior parte.
Thesagro: Agricultura
Produção
Difusão de tecnologia
Ano de Publicação: 2014
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dualidadedaagricultura.pdf1,03 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace