Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1014371
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 27-Abr-2015
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: CARDOSO JUNIOR, R. C.
FERREIRA, M. do S. G.
JARDIM, F. C. da S.
SILVA, M. F. F. da
ESQUERDO, L. N.
Informaçães Adicionais: Rivaldo Costa Cardoso Junior, SEMA; MARIA DO SOCORRO GONCALVES FERREIRA, CPATU; Fernando Cristovam da Silva Jardim, UFRA; Manoela Ferreira Fernandes da Silva, MPEG; Lucicléia Nascimento Esquerdo, MPEG.
Título: Tratamento silvicultural e incremento diamétrico de Platonia insignis Mart. (Clusiaceae) "bacurizeiro" em duas florestas secundárias em Bragança, PA, Brasil.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: Revista Árvore, v. 38, n. 5, p. 889-898, set./out. 2014.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Anelamento
Manejo sustentável.
Conteúdo: Verificou-se neste trabalho o efeito de tratamentos silviculturais no incremento diamétrico de Platonia insignis, em duas florestas secundárias, com dois anos de acompanhamento (2005/2007). As florestas foram denominadas Unidades Agrárias (UA), onde foram instaladas quatro parcelas de 70 m x 105 m (UA1) e 35 m x 100 m (UA2). Dois tratamentos foram aplicados com duas repetições: T0 nenhuma intervenção; e T1 tratamento silvicultural, que consistiu de desbaste por abate e desbaste por anelamento, coroamento de 2 m e corte de cipós. Foram medidos todos os indivíduos de P. insignis com DAP > 10 cm. Foram utilizados os testes t, de Student, e de Mann Whitney, para comparação das médias. O incremento anual médio em diâmetro na T1 foi significativamente maior em ambas as florestas secundárias. UA1 apresentou 0,14 cm.ano-1 para T0 e 0,25 cm.ano-1 para T1. Na UA2, a média foi de 0,53 cm.ano-1 para T0 e 0,93 cm.ano-1 para T1. Portanto, o efeito positivo dos tratamentos silviculturais no aumento diamétrico pode servir como subsídio para atividades de manejo sustentável e aplicação em florestas secundárias como indutor de crescimento.
Thesagro: Desbaste.
Ano de Publicação: 2014
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPATU)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
v38n5a13.pdf254,42 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousGoogle BookmarksMySpace