Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1014462
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 28-Abr-2015
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: RODRIGUES, J. D. B.
ALVES, R. M.
FERNANDES, J. R. Q.
Informaçães Adicionais: JARDEL DIEGO BARBOSA RODRIGUES, GRADUANDO UFRA; RAFAEL MOYSES ALVES, CPATU; JOSE RAIMUNDO QUADROS FERNANDES, CPATU / GRADUANDO UFRA.
Título: Seleção de progênies experimentais de cupuaçuzeiro tolerante a vassoura de bruxa no estado do Pará.
Edição: 2015
Fonte/Imprenta: In: ENCONTRO AMAZÔNICO DE AGRÁRIAS, 7., 2015, Belém, PA. Segurança alimentar: diretrizes para Amazônia. Belém, PA: UFRA, 2015.
Idioma: pt_BR
Notas: VII ENAAG.
Conteúdo: Objetivou-se com esse trabalho selecionar progênies resistentes ao avanço da vassoura de bruxa e por consequência melhorar os índices de produção do cupuaçu. O experimento foi implantado na fazenda Santa Tereza, no período de 2005 a 2014, no município de São Francisco do Pará, no Pará. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados, com 20 progênies de irmãos germanos de cupuaçuzeiro, com cinco repetições e três plantas na parcela. As mudas foram postas em covas espaçadas em 5,0 x 5,0 m e consorciadas com Banana e Açaí que estava no espaçamento de 2,5 x 2,5 m e 10 x 10 m, respectivamente. Foram analisados, primeiramente, o desenvolvimento vegetativo (altura e diâmetro) e posteriormente iniciou-se a avaliação de produção das sete safras e o nível de infecção por Moniliophthora perniciosa. Verificou-se que na variável altura a progênie que mais se destacou foi a 37, já com o diâmetro a progênie 13, que teve a menor média do ensaio, diferiu em nível de 5% de significância das progênies 19, 24, 36, 37 e 51. Com relação à produção de frutos a média das sete safras foi de 9,44 frutos/planta, sendo a progênie 36 a mais promissora com média de 13,6 frutos/planta/safra. Os materiais mostraram-se ser suscetível ao ataque da vassoura-de-bruxa, pois 35% apresentaram sintomas da doença. As progênies 36 e 37 mostraram-se como os materiais mais promissores para a sequência do programa de melhoramento genético, sendo resistentes a M. perniciosa, assim como os mais produtivos e com melhor desenvolvimento vegetativo.
Thesagro: Cupuaçu
Doença
Progênie
Resistência.
Ano de Publicação: 2015
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPATU)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
0630.pdf501,33 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace