Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1016949
Title: Recuperação de pastagens degradadas no Acre.
Authors: ANDRADE, C. M. S. de
SALES, M. F. L.
Affiliation: CARLOS MAURICIO SOARES DE ANDRADE, CPAF-AC; MAYKEL FRANKLIM LIMA SALES, CPAF-AC.
Date Issued: 2010
Citation: In: WORKSHOP SOBRE ÁREAS DEGRADADAS DA AMAZÔNIA, 2010, Rio Branco. Anais... Rio Branco: Proinp : Ifac, 2010.
Pages: p. 72-100.
Description: Atualmente, a degradação das pastagens é um dos maiores problemas da pecuária no Acre, causando queda da capacidade de suporte das propriedades, elevação dos custos de produção de carne e leite, descapitalização dos produtores e aumento da pressão por novos desmatamentos. A situação parece ser mais grave no estado de Roraima, onde predominam solos de baixa fertilidade natural e onde o progresso tecnológico da atividade pecuária tem avançado mais lentamente. A falta de adubação de manutenção, com o conseqüente declínio da fertilidade do solo, e a superlotação das pastagens (excesso de gado) foram as causas de degradação de importância mais generalizada na região. No Acre, cujos solos são predominantemente de baixa permeabilidade e com maior estoque de nutrientes do que os demais Estados da Região, a principal causa de degradação apontada foi a síndrome da morte do capim-braquiarão, gramínea mais plantada no Estado, seguida da superlotação, causa de degradação importante, principalmente, nas pequenas e médias propriedades. O fogo como instrumento de ?limpeza? (controle de invasoras) das pastagens continua sendo um importante fator de degradação das pastagens cultivadas na região, principalmente entre os pequenos produtores.
Thesagro: Pastagem
Pecuária.
Keywords: Código Florestal
Áreas degradadas
Recuperação de pastagens
Acre
Amazônia Ocidental.
ISBN: 978-85-65402-03-3
Language: pt_BR
Type of Material: Anais e Proceedings de eventos
Access: openAccess
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
25540.pdf827,32 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace