Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1017127
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio Ambiente - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 9-Jun-2015
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: LOURENCETTI, C.
SPADOTTO, C. A.
SILVA, M. S.
RIBEIRO, M. L.
Informaçães Adicionais: CAROLINA LOURENCETTI, Doutoranda IQ/UNESP; CLAUDIO APARECIDO SPADOTTO, SGTE; MARY SANTIAGO-SILVA, IQ/UNESP; MARIA LUCIA RIBEIRO, Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, Centro Universitário de Araraquara, SP-IQ/UNESP.
Título: Avaliação do potencial de contaminação de águas subterrâneas por pesticidas: comparação entre métodos de previsão de lixiviação.
Edição: 2005
Fonte/Imprenta: Pesticidas: revista de ecotoxicologia e meio ambiente, Curitiba, v. 15, p. 1-14, jan./dez. 2005.
Idioma: pt_BR
Conteúdo: Este trabalho teve como objetivo comparar alguns modelos descritos na literatura (critérios de screening da EPA, índices GUS e LIX e modelos RF, AF e TLPI) para avaliação do potencial de lixiviação de pesticidas e a possibilidade de contaminação de água subterrânea. Inicialmente, a simbologia e as expressões matemáticas foram organizadas de modo a facilitar a identificação e o entendimento dos fatores considerados na construção de cada modelo. A aplicação e a comparação dos modelos foram realizadas a partir de dados da literatura (propriedades físico-química dos pesticidas, propriedades do solo e condições climáticas) para nove herbicidas (2,4-D, alaclor, atrazina, clomazona, fluazifop-p-butílico, metribuzim, picloram, simazina, trifluralina) registrados e mais usados na cultura de cana-de-açúcar no Brasil. Os resultados do potencial de lixiviação fornecidos pelos métodos não foram concordantes para alguns herbicidas, entretanto, a classificação de potencial de lixiviação apresentouse muito semelhante para todos os produtos. As diferenças encontradas podem ser justificadas pelas singularidades e limitações inerentes à concepção de cada método. Os resultados demonstram que modelos mais simples podem ser úteis para avaliar o potencial de contaminação da água subterrânea em grandes áreas de monocultura, fornecendo subsídios para tomadas de decisões mais rápidas e eficientes pelos órgãos competentes.
Thesagro: Águas Subterrâneas
Lixiviação
Contaminação
Pesticida
Ano de Publicação: 2005
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPMA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2005AP035.pdf71,06 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace