Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1027153
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Solos - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 26-Out-2015
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: RODRIGUES, H. M.
VASQUES, G. M.
LEMES, M. W.
ROSAS, R. O.
Informaçães Adicionais: HUGO M. RODRIGUES, UFF; GUSTAVO DE MATTOS VASQUES, CNPS; MARCELO W. LEMES, UFF; REINER O. ROSAS.
Título: Avaliação do escoamento superficial e da perda de solo sob diferentes coberturas e declividades em Silva Jardim, RJ.
Edição: 2015
Fonte/Imprenta: In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA FÍSICA APLICADA, 16., 2015, Teresina. Territórios brasileiros: dinâmicas, potencialidades e vulnerabilidades: anais. Teresina: UESPI, 2015. p. 2797-2803.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Análise de variância
Modelo linear.
Conteúdo: A erosão é um fenômeno que exige pesquisa que identifique sua origem, magnitude, evolução e mitigação. O trabalho buscou identificar a influência da quantidade de chuva, declividade do terreno e cobertura vegetal sobre o escoamento superficial (ES) e perda de solo (PS) utilizando análise de variância e modelos lineares. Selecionou-se duas encostas no município de Silva Jardim, RJ, onde quatro parcelas de erosão foram instaladas e monitoradas durante 12 meses, de acordo com o delineamento experimental: 2 declividades (28% x 51%) x 2 coberturas (capim x solo exposto) x 12 repetições (meses). A chuva e a cobertura influenciaram significativamente (p < 0.05) o ES e a PS, explicando 89 e 87% das suas variâncias, respectivamente. As parcelas com solo exposto tiveram maiores ES e PS. Por outro lado, a declividade não teve influência significativa. Somente o ES explicou 97% da variância da PS. Isso, aliado à ausência de interações chuva x cobertura nos modelos de predição, indica um controle da PS pela cobertura de maneira indireta através do controle do ES. Os resultados confirmam em parte os resultados de trabalhos anteriores, sendo que a influência da declividade e de outros possíveis fatores sobre o ES e PS precisa ser melhor entendida na área de estudo.
Thesagro: Erosão.
Ano de Publicação: 2015
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015066.pdf993,74 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace