Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1035980
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Informática Agropecuária - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 3-Fev-2016
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: GOUVEIA, R. G. L. de
SILVA, J. dos S. V. da
GALVANIN, E. A. dos S.
NEVES, S. M. A. da S.
Informaçães Adicionais: ROGERIO GONÇALVES LACERDA DE GOUVEIA, Unemat; JOAO DOS SANTOS VILA DA SILVA, CNPTIA; EDINÉIA APARECIDA DOS SANTOS GALVANIN; SANDRA MARA ALVES DA SILVA NEVES.
Título: Análise da transgressão da legislação ambiental em áreas de preservação permanente e reserva legal na bacia hidrográfica do Rio Queima-Pé/MT.
Edição: 2015
Fonte/Imprenta: Ciência e Natura, Santa Maria, v. 37 n. 4, p. 422-432, set-dez. 2015.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Áreas de preservação permanente
Legislação ambiental
Código florestal
Transgressão ambiental
Geotecnologia
Permanent preservation area
Forest code
Environmental passive
Geotechnology
Conteúdo: Este trabalho tem como objetivo analisar a transgressão ambiental com base no código florestal de 1965 e suas alterações na Área de Preservação Permanente e Reserva Legal na bacia hidrográfica do Rio Queima-Pé/MT. Foram utilizadas imagens do satélite GeoEye com resolução espacial de 3m para identificação das áreas antrópicas e de vegetação natural e determinação das áreas de preservação permanente, apoiado num sistema de informação geográfica. Os buffers das áreas de preservação permanente foram gerados automaticamente no sistema de informação geográfica considerando as nascentes, rede de drenagem e reservatórios artificiais, em seguida foram confrontados com o mapa de atividades antrópicas e vegetação natural elaborado. Os resultados mostram que na região fitoecológica Floresta Semidecidual, a vegetação presente na Reserva Legal é de 7,18% e na Savana (Cerrado) a vegetação natural presente é 7,82%. As áreas de Preservação Permanente estão ocupadas por vegetação ciliar em 64,107% da área. De modo geral a bacia apresenta uma transgressão ambiental de 8.009,81 hectares.
NAL Thesaurus: Environmental law
Ano de Publicação: 2015
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPTIA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
APanalisetransgressaoGouveia.pdf624,93 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace