Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1047389
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pecuária Sul - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 17-Jun-2016
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: SANTOS, P. A. dos
JANOVIK, N.
DOMINGUES, R.
FRANCK, B. M.
CASANOVA, V. P.
LEAL, M. L. do R.
MINHO, A. P.
Informaçães Adicionais: Patrício Azevedo dos Santos, URCAMP; Natália Janovik, URCAMP; ROBERT DOMINGUES, CPPSUL; BERNARDO MACKE FRANCK, CPPSUL; Valeska Paula Casanova, UFSM; Marta Lizandra do Rêgo Leal, UFSM; ALESSANDRO PELEGRINE MINHO, CPPSUL.
Título: Avaliação in vivo da atividade anti-helmíntica do extrato de Senecio brasiliensis e de Acacia mearnsii em ovinos experimentalmente infectados.
Edição: 2016
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ZOOTECNIA, 26., 2016, Santa Maria. Cinquenta anos de zootecnia no Brasil: anais. Santa Maria: Sociedade Brasileira de Zootecnia, 2016.
Idioma: pt_BR
Notas: Zootec.
Conteúdo: As helmintoses gastrintestinais estão entre as principais causas de perdas econômicas e produtivas na cadeia de produção ovina, sendo o Haemonchus contortus um dos parasitos que mais impactam a produção de pequenos ruminantes, devido sua patogenicidade e alta prevalência nos rebanhos nacionais.
Thesagro: Fitoterapia
Verminose
Ruminante
Ano de Publicação: 2016
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPPSUL)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Avaliacaoinvivodaatividade.pdf669,54 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace