Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/105425
Unidade da Embrapa/Coleção:: Área de Informação da Sede - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 14-Ago-2001
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: YUI, E.
PASQUAL, M.
RAMOS, J. D.
NAGIG, N.
CHALFUN, J.
ISHIDA, J. S.
Título: Influencia de Reguladores de Crescimento na Proliferacao In Vitro de Brotos da Porta-Enxerto de Macieira M-7.
Edição: 1993
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.28, n.5, p.597-602,maio.1993
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Cultura de tecidos.
Conteúdo: Verificou-se o efeito de varias concentracoes de 6-benzilaminopurina (BAP), acido naftalenoacetico (ANA) e acido giberelico (GA3) na multiplicacao in vitro do porta-enxerto de macieira M-7. Foram testadas diversas combinacoes entre BAP (0,0; 0,5; 1,0; 2,0; e 4,0 mg/l) e GA3 (0,0; 0,01; 0,1 e 1,0 mg/l); BAP (0,0; 0,5; 1,0; 2,0 e 4,0 mg/l) e ANA (0,0; 0,001; 0,01 e 0,1 mg/l); GA3 (0,0; 0,01; 0,1 e 1,0 mg/l) e ANA (0,0; 0,001; 0,01 e 0,1 mg/l). Os explantes consistiram de segmentos de brotos com aproximadamente 1,0 em de comprimento, e foram incubados em sala de crescimento sob temperatura de 27 ± 2°C, fotoperiodo de 16 horas e intensidade luminosa de 3.000 lux. Avaliou-se o experimento apos 28 dias de cultivo, registrando-se o numero total de brotos e o numero de brotos superiores a 1,0 cm. A multiplicacao in vitro pode ser realizada com sucesso utilizando-se, tanto para proliferacao total de brotos, quanto para brotos superiores 1,0 cm, o BAP em concentracoes entre 0,5 a 2,0 mg/l. A adicao de ANA e GA3 é dispensavel.
Thesagro: Micropropagação.
Ano de Publicação: 1993
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Pab9306mai.pdf614,75 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace