Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1054561
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 13-Out-2016
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: WENDLING, I.
STURION, J. A.
REIS, C. F.
STUEPP, C. A.
PEÑA PEÑA, M. L.
Informaçães Adicionais: IVAR WENDLING, CNPF; JOSE ALFREDO STURION, CNPF; CRISTIANE APARECIDA FIORAVANTE REIS, CNPF; CARLOS ANDRÉ STUEPP, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ; MARTHA LUCÍA PEÑA PEÑA, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ.
Título: Indirect and expedite assessment of Ilex paraguariensis commercial yield.
Edição: 2016
Fonte/Imprenta: Revista Cerne, Lavras, v. 22, n. 3, p. 241-248, 2016.
Idioma: en
Palavras-chave: Erva mate
Estimativa de biomassa
Estimativa visual
Morfotipos
Biomass estimation
Visual estimate
Morphotype.
Conteúdo: A produção de biomassa comercial é uns dos principais indicadores para seleção de progênies e clones de erva-mate. Técnicas tradicionais para se obter tais informações dependem da colheita das árvores e apresentam, dentre outras limitações, elevado custo e reduzida praticidade. Assim, objetivou-se avaliar a eficiência de métodos indiretos, por meio de estimativa de biomassa comercial e escore de produtividade em função de diferentes procedências, sexo e morfotipos. Em um teste de progênies e procedências instalado em 1997, foram avaliadas em agosto de 2015 (dois anos após a última colheita) duas metodologias de análise visual. Para tanto, participaram cinco avaliadores treinados que determinaram, para cada planta, uma estimativa de biomassa comercial (kg), e uma nota, com base em um escore de produtividade (0-10). Para avaliação da produtividade pelas técnicas tradicionais, todas as plantas foram podadas e tiveram sua biomassa comercial (folhas e ramos finos menores de 7 mm de diâmetro) colhida e avaliada por meio de pesagem (Kg.planta-1). As avaliações foram realizadas em experimento instalado em blocos ao acaso, com cinco repetições, sete procedências e 126 progênies, totalizando 5292 plantas avaliadas. Os métodos avaliados foram eficientes na estimativa da biomassa comercial. Os avaliadores apresentaram boa acuidade nas estimativas, expressando de forma eficiente a maior produtividade determinada por comparação de médias entre as procedências, sexo das matrizes e morfotipos. As maiores correlações foram verificadas na análise geral das médias e a estimativa de biomassa comercial é a melhor metodologia para estimar a biomassa comercial aferida em plantas adultas de erva-mate.
Thesagro: Mate
Espécie nativa
Produtividade
Ilex Paraguariensis.
Ano de Publicação: 2016
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016IvarCIndirectandexpediteassessmentofilexparaguariensiscommercialyield.pdf1,5 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace