Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/105565
Unidade da Embrapa/Coleção:: Área de Informação da Sede - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 22-Ago-2001
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: CHRUN, A. S.
FACHINELLO, J. C.
ROSSETTO, E. A.
Título: Influencia de Galhas Burrknot no Crescimento Inicial de Macieiras.
Edição: 1992
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.27, n.3, p.509-512, mar.1992
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Porta-enxerto
galha aerea
Conteúdo: Galhas aereas burrknot, presentes em alguns porta-enxertos de macieira, causam obstrucoes em seu sistema vascular, prejudicando em geral, o crescimento e a producao das plantas. Com o objetivo de avaliar, preliminarmente, os prejuizos desses tumores, foi condu-zido experimento abrangendo o periodo de junho de 1988 a julho de 1990, na Universidade Federal de Pelotas. Para tanto foi plantado um pomar com 84 macieiras das cultivares Fuji e Gala, enxertadas em 'MM-106': foram estabelecidos os seguintes tratamentos: a) mudas com galhas; b) mudas com eliminacao completa das galhas; c) mudas normais sem galhas. Na avaliacao dos resultados considerou-se o crescimento relativo das plantas, representado pelo diametro do tronco em duas diferentes alturas e quatro epocas distintas. Os resultados evidenciaram que a presenca de elevado numero de galhas no porta-enxerto altera o crescimento inicial da macieira, e que as mudas sem galhas tiveram maior desenvolvimento vegetativo. A extirpacao das galhas, por sua vez provocou sensivel estresse na planta, retardando seu crescimento.
Ano de Publicação: 1992
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
pab19mar92.pdf161,2 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace