Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/105633
Unidade da Embrapa/Coleção:: Área de Informação da Sede - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 28-Ago-2001
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: SANTOS, M. V. F. dos
LIRA, M. de A.
FARIAS, I.
BURITY, H. A.
TAVARES FILHO, J. J.
Título: Efeito do Periodo de Armazenamento Pos-colheita sobre o Teor de Materia Seca e Composicao Quimica das Palmas Forrageiras.
Edição: 1992
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.27, n.6, p.777-783, jun.1992
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: 'Redonda'
'Gigante'
'Miuda'
Opuntia firus indica
cladodios
carboidratos soluveis.
Conteúdo: Foram observados os efeitos de diferentes periodos de armazenamento de cactaceas forrageiras Opuntia firus indica cvs. Redonda e Gigante, e Nopalea cochenillifera cv. Miuda, em galpao coberto, e aberto lateralmente. O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso, nos quais cada amontoado de articulos constituia um bloco. Os tratamentos foram constituidos por cinco periodos de armazenamento pos-colheita: zero, quatro, oito, doze e dezesseis dias. De modo geral, nao foram observadas perdas aparentes, durante os periodos de armazenamento, na percentagem de materia seca, proteina bruta, fibra bruta e carboidratos soluveis. Os dados sugerem que os cladodios podem ser armazenados por periodo de ate 16 dias, sem perda consideravel de suas caracteristicas nutricionais, o que resultara em diminuicao dos custos das atividades diarias de corte e transporte.
Thesagro: Cactaceae
Fibra Bruta
Nopalea Cochenillifera
Proteína Bruta.
Ano de Publicação: 1992
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
pab01jun92.pdf296,25 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace