Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/105723
Unidade da Embrapa/Coleção:: Área de Informação da Sede - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 13-Set-2001
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: MEDEIROS, S. L. P.
WESTPHALEN, S. L.
MATZENAUER, R.
BERGAMASCHI, H.
Título: Relacoes entre Evapotranspiracao e Rendimento de Graos de Milho.
Edição: 1991
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.26, n.1, p.1-10, jan.1991
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: periodos criticos.
Conteúdo: Neste trabalho foi avaliada a possibilidade de prognosticar o rendimento de graos de milho (Zen mays, L.) atraves das relacoes entre o rendimento relativo (rendimento real/rendimento maximo) e o indice evapotranspiracao real/evapotranspiracao maxima, em sete subperiodos e no ciclo, assim como identificar os periodos mais criticos a deficiencia hidrica. Os dados foram obtidos na Estacao Experimental de Taquari, Depressao Central do RS (latitude 29o48'15"S e longitude 51o49'30"W, altitude 76 m), em sete anos agricolas e em diferentes épocas de semeadura. O subperiodo mais suscetivel a deficiencia hidrica foi o que compreendeu dez dias antes do pendoamento ate dez dias apos o final do espigamento. Para este subperiodo, o rendimento relativo () pode ser estimado a partir do indice de evapotranspiracao (x), atraves da equa = 0,663 x2 + 0,154 x + 0,223, com coeficiente de determinacao (r2) de 0,74. Para o ciclo, pode ser usada a equacao = 1,611 x2 + 1,220 x + 0,537, embora com menor precisao (r2 = 0,53). Nos subperiodos restantes, os graus de associacao foram menores.
Thesagro: Deficiência Hídrica
Zea Mays.
Ano de Publicação: 1991
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
pab01jan91.pdf609,74 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace