Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1131459
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2020
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: LAMEIRA, O. A.
RODRIGUES, S. de M.
COSTA, K. J. A.
CAMPELO, M. F.
MOREIRA, R. K. V. P. P.
SILVA, A. C. B. da
RAMIRES, A. C. S.
MONTEIRO, A. N.
Additional Information: OSMAR ALVES LAMEIRA, CPATU; SIMONE DE MIRANDA RODRIGUES, CPATU; KEILA JAMILLE ALVES COSTA, MESTRANDA INSTITUTO TECNOLÓGICO DA VALE; MEICIANE FERREIRA CAMPELO, DOUTORANDA UFPA; RUANNY KAREN VIDAL PANTOJA PORTAL MOREIRA, DOUTORANDA UFPA; ANA CAROLINE BATISTA DA SILVA, GRADUANDA UFRA; ALLAN CHRISTIAM SANTOS RAMIRES, GRADUANDO UFRA; AMANDA NASCIMENTO MONTEIRO, GRADUANDA UFRA.
Title: Efeitos de diferentes concentrações de nitrato de amônio e nitrato de potássio na micropropagação da valeriana officinalis l. (valerianaceae).
Publisher: Brazilian Journal of Development, v. 6, n. 11 , p. 85044-85049, nov. 2020.
Language: Portugues
Description: Valeriana offcinalis L consiste em uma planta herbácea, pertencente à família Valerianaceae conhecida popularmente como valeriana selvagem. Possui uso medicinal para tratamento de dores de cabeça, náuseas, distúrbios hepáticos, antídoto e insônia. Uma das formas de propagação da espécie se dá através da micropropagação que constitui um modo de manter sempre disponíveis explantes sadios e livres de contaminação para aplicação de técnicas de regeneração por cultura de tecidos e transformação genética, além de ser altamente conveniente para manutenção de coleções de plantas de genótipos diferentes, livres de patógenos. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de diferentes concentrações dos compostos minerais, nitrato de amônio e nitrato de potássio na micropropagação da Valeriana officinalis visando à redução de custos do meio de cultura MS. O experimento é composto por diferentes concentrações e fontes de nitrato na composição do meio de cultura MS (MS + ½ NH4NO3, MS + ½ KNO3, MS + ¼ NH4NO3, MS + ¼ KNO3e MS completo) totalizando cinco tratamentos, com quatro repetições composta por dois frascos contendo três explantes cada. Após 64 dias da inoculação foi feita a pesagem das plântulas por inteira com o auxílio de balança de precisão, para obter os valores de peso médio de massa fresca e após secagem em estufa por três dias na temperatura de 360 C e aos 67 dias obteve valores médio de massa seca. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de significância. Houve diferença estatística nos tratamentos apenas para a variável peso de massa seca, onde o tratamento mais significativo MS + ¼ KNO3 obteve 0,17 g e o de menor peso significativo foi o meio MS + ½ NH4NO3 com 0,08 g. Houve efeito das concentrações de nitrato de potássio na micropropagação da V. officinalis L. podendo o meio de cultura MS com ¼ KNO3 ser indicado para o cultivo.
Thesagro: Cultura de Tecido
Planta Medicinal
Meio de Cultura
Valerianaceae
NAL Thesaurus: Valeriana officinalis
Data Created: 2021-04-21
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPATU)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Valeriana-officinalis.pdf373,66 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace