Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1131883
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Florestas - Capítulo em livro científico (ALICE)
Date Issued: 2021
Type of Material: Capítulo em livro científico (ALICE)
Authors: SOARES, M. T. S.
MAEDA, S.
WREGE, M. S.
GABIRA, M. M.
BELLOTE, A. F. J.
ANDRADE, G. de C.
FROUFE, L. C. M.
BALIEIRO, F. de C.
CHAER, G. M.
SANTOS, F. M. dos
Additional Information: MARCIA TOFFANI SIMAO SOARES, CNPF; SHIZUO MAEDA, CNPF; MARCOS SILVEIRA WREGE, CNPF; MONICA MORENO GABIRA, Mestre em Ciência Florestal na Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho"; ANTÔNIO FRANCISCO JURADO BELLOTE, Pesquisador aposentado da Embrapa Florestas; GUILHERME DE CASTRO ANDRADE, CNPF; LUIS CLAUDIO MARANHAO FROUFE, CNPF; FABIANO DE CARVALHO BALIEIRO, CNPS; GUILHERME MONTANDON CHAER, CNPAB; FELIPE MARTINI DOS SANTOS, Doutor em Ciências Ambientais e Florestais pela UFRRJ.
Title: Eucalipto: desafios para a pesquisa em nutrição, na ótica da sustentabilidade florestal.
Publisher: In: OLIVEIRA, E. B. de; PINTO JUNIOR, J. E. (Ed.). O eucalipto e a Embrapa: quatro décadas de pesquisa e desenvolvimento. Brasília, DF: Embrapa, 2021. cap. 11.
Pages: p. 515-554.
Language: Portugues
Keywords: Embrapa Florestas
Plantio florestal
Description: Resumo. O significativo aumento da capacidade produtiva das florestas de eucaliptos no Brasil tem sido resultante da superação de diversos desafios tecnológicos ao longo dos anos, tais como a adaptação à ampla variabilidade ambiental, abrangendo solos frágeis e com baixa fertilidade natural, e a adoção de técnicas que atenuam ou compensam as pressões provocadas por rotações sucessivas, que tendem a implicar em intensa exportação de nutrientes e riscos à qualidade física dos solos. Este avanço em produtividade foi possível graças às parcerias entre o setor produtivo e instituições de pesquisa, para a realização de programas de melhoramento genético voltados ao desenvolvimento de boas práticas silviculturais. A adoção de procedimentos substanciados na manutenção da resiliência das florestas plantadas tem conferido aos produtores e consumidores de madeira a possibilidade de maior aderência às agendas nacionais e internacionais, promotoras da integração entre produção e princípios de sustentabilidade, uma condição desejável sob o aspecto econômico, social e ambiental. Cada vez mais, a manutenção ou o aumento dos níveis de produtividade dependerão de inovações que tragam soluções e estratégias de adaptação aos desafios emergentes, como a ocupação de áreas menos favoráveis ao cultivo, as incertezas relacionadas às mudanças climáticas globais, a rápida propagação de pragas e doenças e o aumento dos custos de fertilizantes. As respostas a esses desafios, concomitante à manutenção ou ao aumento da habilidade dos sistemas florestais em converter carbono (C) e nutrientes em biomassa florestal, estarão atreladas a ajustes tecnológicos que promovam a eficiência multi-temporal de seus ciclos. Neste capítulo são relatados alguns esforços da comunidade científica, com colaboração da Embrapa e suas parcerias, na obtenção de avanços relacionados ao estabelecimento de povoamentos florestais sob a ótica do manejo nutricional e da sustentabilidade dos sítios de produção, discutindo-se a relação entre solos, plantas, condições de sítios e fatores de clima. Abstract. The significant increase in the productive capacity of eucalypt forests that Brazil has experienced is the result of overcoming several technological challenges over the years. These comprise adaptation to the vast environmental variability, including fragile soils and those with low natural fertility, and the adoption of techniques that mitigate or compensate for the effects of successive rotations, which tend to cause intense nutrient exportation and threaten the physical quality of the soil. Such increases in productivity were made possible due to partnerships between the productive sector and research institutions in genetic improvement programs alongside the development of good silvicultural practices. The adoption of substantive practices to maintain the resilience of planted forests has enabled wood producers and consumers to better adhere to national and international agendas that promote the integration of production with principles of sustainability, a desirable situation from economic, social and environmental perspectives. Maintaining or increasing levels of productivity depend on innovation that offers solutions and strategies to adapt to and address emerging challenges, such as occupying less favorable areas for cultivation, uncertainties related to global climate change, the rapid spread of pests and disease and the increased costs of fertilization. The answers to these challenges, along with maintaining or increasing the ability of forest systems to convert carbon and nutrients into forest biomass, are linked to technological adjustments that promote the multi-temporal efficiency of productive cycles. In this chapter, we discuss efforts by the scientific community, with collaboration from Embrapa and its partners, to improve the development of forest stands from the perspective of nutritional management and the sustainability of production sites, considering the relationships between soils, plants, site conditions and climate factors.
Thesagro: Eucalipto
Pesquisa Florestal
Historia
Fertilidade do Solo
Nutrição Vegetal
NAL Thesaurus: Eucalyptus
Data Created: 2021-05-18
ISBN: 978-65-87380-04-9
Appears in Collections:Capítulo em livro científico (CNPF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EmbrapaFlorestas-2021-LV-EucaliptoEmbrapa-cap11.pdf14,19 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace