Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1131884
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Florestas - Capítulo em livro científico (ALICE)
Date Issued: 2021
Type of Material: Capítulo em livro científico (ALICE)
Authors: MAEDA, S.
SOARES, M. T. S.
DIAS, M. V.
Additional Information: SHIZUO MAEDA, CNPF; MARCIA TOFFANI SIMAO SOARES, CNPF; MARIO VEDOVATO DIAS, Acadêmico de Engenharia Florestal na Universidade Federal do Paraná.
Title: Aplicação de resíduos agropecuários, urbanos e industriais em plantios de eucalipto.
Publisher: In: OLIVEIRA, E. B. de; PINTO JUNIOR, J. E. (Ed.). O eucalipto e a Embrapa: quatro décadas de pesquisa e desenvolvimento. Brasília, DF: Embrapa, 2021. cap. 12.
Pages: p. 555-587.
Language: Portugues
Keywords: Embrapa Florestas
Plantio florestal
Resíduos
Description: Resumo. Devido à presença de nutrientes para as plantas e por atuarem como condicionadores do solo, alterando o pH e adicionando matéria orgânica, os resíduos de origens industrial, animal ou humano podem ser úteis como fertilizantes e condicionadores de solos florestais. A opção pela aplicação em solos florestais para fins madeireiros é interessante uma vez que os produtos obtidos não são utilizados para fins alimentares, além de outras vantagens para o ser humano e para o ambiente. Estudos conduzidos nos últimos 40 anos no Brasil, por instituições de pesquisa, entre as quais a Embrapa Florestas, com a aplicação desses materiais têm mostrado efeitos positivos em características químicas do solo, melhorando a oferta de nutrientes e a produtividade de espécies florestais como a do Eucalyptus. Os principais resíduos estudados são aqueles gerados no processamento da madeira para obtenção de celulose e papel, casos dos dregs, grits, lama de cal, cinza de madeira e lodos celulósicos e também o lodo gerado na reciclagem de papel; lodos gerados em estação de tratamento de efluentes humanos e dejetos de suínos. O uso florestal contribui para a diminuição de passivos ambientais, legais e financeiros relacionados à destinação final dos mesmos, além de contribuir para a redução do custo de produção florestal com a aquisição de fertilizantes químicos e corretivos. Para o uso destes resíduos como insumo, é fundamental a definição de protocolos de manejo florestal que contemple as particularidades de cada resíduo, respeitando-se aspectos silviculturais e ambientalmente aceitáveis. A aplicação de resíduos em excesso, com a presença de elementos ou compostos tóxicos aos seres vivos e, ou contaminantes biológicos podem resultar em problemas de difícil remediação. Os diplomas legais que regulamentam o uso de resíduos como insumos para a produção agrícola e florestal consideram diversos fatores relacionados à sua origem, tratamento, composição química, física e biológica, as necessidades das culturas a serem beneficiadas, e as características de solo e da paisagem nas áreas de uso, tais como topografia do local, posicionamento em relação à reserva legal e áreas de proteção permanente como rios e lagos. Pesquisas são necessárias com vistas à adequação de práticas de manejo voltadas à definição de doses, épocas e formas de aplicação dos resíduos, visando à diminuição do uso de insumos externos na propriedade rural, a manutenção ou o incremento da matéria orgânica do solo e a redução na emissão de gases de efeito estufa, considerando especificidades regionais e nível tecnológico adotado entre outras. Abstract. Due to the availability of nutrients and because they act as soil conditioners, altering the pH and adding organic matter, industrial, animal or human waste residues can be useful as fertilizers and conditioners forest soils. Applying fertilizers in forest soils for logging purposes is interesting since the products obtained are not used for food but offer other advantages for humans and the environment. Over the last 40 years, studies conducted by research institutions in Brazil, including Embrapa Forestry, on the application of these residues have shown positive eff ects on soil chemical characteristics, improving nutrient supply and the productivity of forest species such as Eucalyptus. The main residues studied are those generated in the processing of pulp and paper, including dregs, grits, lime sludge, wood ash and cellulosic sludge, as well as the sludge generated in paper recycling, and sludge from human waste treatment plants and swine manure. Applying these residues in forest plantations is a form of disposal that addresses environmental, legal and financial problems related to the final destination of waste products, while also reducing costs of forest production related to the acquisition of fertilizers and correctives. Forest management protocols that consider the use of waste as input must be developed using environmentally acceptable management techniques. The application of excess residues or residues containing elements that are toxic to living beings can result in chemical contamination or lead to diffi cult environmental remediation. There are legal regulations that control the use of waste as inputs for agricultural and forestry production. These laws consider the chemical and physical characteristics of the residues, the needs of the crops to which they will be applied, the topographical characteristics of the site and their location in relation to legal forest reserves and permanent protection areas, such as rivers and lakes. Research is necessary to update management practices in relation to defining appropriate doses and timing and forms of waste application, in order to reduce the use of chemical inputs in rural properties, maintain or increase organic matter in the soil and reduce the emission of greenhouse gases, considering regional specificities and level of technology adopted, among other characteristics.
Thesagro: Eucalipto
Pesquisa Florestal
Historia
Solo Florestal
Nutrição Vegetal
NAL Thesaurus: Eucalyptus
Data Created: 2021-05-18
ISBN: 978-65-87380-04-9
Appears in Collections:Capítulo em livro científico (CNPF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EmbrapaFlorestas-2021-LV-EucaliptoEmbrapa-cap12.pdf4,85 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace