Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1134414
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Territorial - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2021
Type of Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Authors: COSTA, A.
KANO, C.
Additional Information: ALINE COSTA, BOLSISTA CNPM; CRISTIAINI KANO, CNPM.
Title: Elaboração de banco de dados georreferenciados sobre a demanda brasileira de NPK pelo milho.
Publisher: In: CONGRESSO INTERINSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 15., 2021, Campinas. Anais... Campinas: Instituto de Zootecnia, 2021. 2 p.
Language: Portugues
Notes: Evento online. CIIC 2021.
Description: O milho é uma cultura de grande importância no cenário agrícola brasileiro; segundo o IBGE, em 2019, o país produziu mais de 100 milhões de toneladas. Presente em quase todo o território nacional, o milho apresenta oscilação de produtividade em determinados estados e municípios. A carência de dados estruturados e georreferenciados sobre a demanda brasileira de suprimentos de nutrientes para os principais sistemas de produção afeta a produtividade e lucratividade do setor, devido a flutuações nas quantidades de fertilizantes e a gargalos logísticos, respectivamente. O objetivo deste trabalho foi obter a estimativa da demanda brasileira de NPK pela cultura de milho. Para isso, foi feito um levantamento da área plantada e da produção municipal de milho, com base nos dados disponibilizados pelo IBGE, e criado um banco de dados georreferenciados através de levantamento, análise e organização de dados bibliográficos referentes à exportação de NPK pela colheita e das recomendações estaduais de adubação NPK disponíveis para essa cultura. O cálculo da estimativa da demanda de NPK foi baseado na exportação de nutrientes pela produção e pelas recomendações estaduais de adubação existentes para a cultura. Os dados obtidos indicam que Mato Grosso e Paraná destacam-se como grandes produtores de milho e, consequentemente, apresentaram maior necessidade de fertilizantes. Os dois métodos utilizados indicaram maior demanda por nitrogênio, seguida por fósforo e potássio. Os valores de nitrogênio, fósforo e potássio baseados nas recomendações estaduais foram respectivamente 76, 32 e 31% superiores aos obtidos pelo método baseado na exportação pela produção.
Thesagro: Logística
Nutriente
Produção Agrícola
Data Created: 2021-09-15
ISBN: 978-65-994972-0-9
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CNPM)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
5956.pdf122,3 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace