Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1135471
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Solos - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2007
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: ROSA, R. C. T. da
COELHO, R. S. B.
TAVARES, S. C. C. de H.
CAVALCANTI, V. A. L. B.
Additional Information: REGINA CERES TORRES DA ROSA, IPA; RILDO SARTORI BARBOSA COELHO, IPA; SELMA CAVALCANTI CRUZ DE H TAVARES, CNPS; VANILDO ALBERTO LEAL BEZERRA CAVALCANTI, IPA.
Title: Efeito de indutores no controle de míldio em Vitis labrusca.
Publisher: Summa Phytopathologica, v. 33, n. 1, p. 68-73, 2007.
Language: Portugues
Keywords: Videira
Indução de resistência
Description: A cultura da uva, Vitis labrusca, é de grande importância econômica para a região do vale do Siriji - PE. No entanto, nos últimos anos, o míldio da videira vem pondo em risco essa atividade, fazendo com que os produtores invistam bastante recurso com o uso de fungicida visando o seu controle. Visando substituir o uso de agrotóxico foi avaliado nos municípios de São Vicente Férrer - PE (área 1), Natuba - PB (área 2) e Macaparana - PE (área 3) o efeito da indução de resistência promovida por ácido DL- â - aminobutírico (BABA), Agro-Mos (AM) + Crop-set (Cs), Codavit (Cd) e Ecolife (Ec) em videiras da variedade 'Isabel'. Os resultados obtidos em relação à severidade do míldio demonstraram que o indutor AM + Cs destacou-se dos demais tratamentos, não diferindo estatisticamente dos indutores AM + Cs e Cd, na área 2, e de AM + Cs e Cd, e Ec na área 3. Quanto a eficiência de controle o AM + Cs foi capaz de reduzir a severidade da doença em 37,46%, 35,97% e 18, 57% nas áreas 1, 2 e 3, respectivamente. Nas áreas 1, 2 e 3 a severidade da doença desenvolveu-se obedecendo as seguintes equações, gompertz Y= e-3,36 . e -0,019 t-0,0199(R= 0,66**), logístico Y= 1/1 + 14,63 .e 0,037t (R= 0,84**) e gompertz Y= e-4,13 . e-0,034 t-0,034t,(R= 0,62**), respectivamente. A severidade do míldio da videira em função do tempo na área 1, na maioria dos tratamentos, obedeceu ao modelo de gompertz, exceto o tratamento com BABA cujo modelo que se ajustou foi o logístico. Na área 2, o aumento da severidade da doença nos tratamentos estudados não apresentou predominância de um modelo. O modelo monomolecular apareceu com uma freqüência maior do que os demais, nos tratamentos da área 3.
NAL Thesaurus: Plasmopara viticola
Data Created: 2021-10-20
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPS)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Efeito-de-indutores-no-controle-de-mildio-em-Vitis-labrusca-2007.pdf273,24 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace