Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1135555
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Agrobiologia - Tese/dissertação (ALICE)
Date Issued: 2019
Type of Material: Tese/dissertação (ALICE)
Authors: SANFINS, D. dos S.
Additional Information: DANIELLE DOS SANTOS SANFINS, UFRRJ.
Title: Matos de comer: estudo de espécies espontâneas alimentícias em quintal urbano no município de Paraty, RJ.
Publisher: 2019.
Language: Portugues
Notes: Dissertação. ( Mestrado em Agricultura Orgânica) Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, 2019. Sob a orientação da Professora Dr. Mariella Camardelli Uzêda
Keywords: Espécies espontâneas alimentícias
Agricultura urbana
Description: As espécies espontâneas alimentícias ou simplesmente os ?matos de comer? são espécies que nascem sem cultivo, em canteiros de hortas, jardins e calçadas. Muitas dessas espécies não têm seu valor reconhecido, apesar de apresentarem potencial alimentício, medicinal e ecológico. Em áreas urbanas existe uma diversidade dessas espécies, que apresentam características de ampla adaptabilidade e rusticidade. Com objetivo de valorizar a importância dessas espécies em ambiente urbano, o presente estudo realizou um inventário das espécies espontâneas encontradas em área de quintal urbano, com 180 m2, no município de Paraty/RJ, no período de maio de 2018 a março de 2019, onde 15 espécies foram relacionadas e caracterizadas com suas famílias botânicas e nomes científicos. A pesquisa sobre as espécies inventariadas foi baseada em referenciais bibliográficos, onde foram encontradas informações a cerca de seu hábito de crescimento, propagação, ciclo de vida e sazonalidade, além de informações quanto a sua finalidade e utilidades para a fauna. Os resultados obtidos foram compilados em tabelas, onde foi possível verificar a diversidade de alimento existente em um ambiente de quintal urbano, sem que haja gastos energéticos externos para a sua produção, proporcionando diveridade alimentar para as pessoas que vivem na cidade. Foi possível perceber também que a distribuição dessas espécies no tempo, ou seja, o conhecimento sobre sua sazonalidade favorece a disponibilidade de alimento o ano inteiro. A partir do inventário realizado, uma das espécies identificadas no quintal urbano, destacou-se por seu potencial produtivo e de adaptação na área de estudo.
Data Created: 2021-10-25
Appears in Collections:Tese/dissertação (CNPAB)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertac807a771o-Matos-de-comer.pdf3,32 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace