Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/131520
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Semiárido - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 1998
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: ARAUJO, G. G. L. de
SILVA, J. F. C.
VALADARES FILHO, S. de C.
CAMPOS, O. F. de
CECON, P. R.
SIGNORETTI, R. D.
TURCO S. H. N.
Additional Information: GHERMAN GARCIA LEAL DE ARAUJO, CPATSA; JOSÉ FERNANDO COELHO DA SILVA, Professo da UFV; SEBASTIÃO DE CAMPOS VALADARES FILHO, Professo da UFV; ORIEL FAJARDO DE CAMPOS, CNPGL; PAULO ROBERTO CECON; RICARDO DIAS SIGNORETTI, Doutorando da UFV; SILVIA HELENA NOGUEIRA TURCO, Doutoranda da UFV.
Title: Composicao corporal e exigencias liquidas de energia e proteina de bezerros alimentados com dietas contendo diferentes niveis de volumoso.
Publisher: Revista Brasileira de Zootecnia, Viçosa, MG, v. 27, n. 5, p. 1013-1022, 1998.
Language: pt_BR
Keywords: Composicao corporal
Exigencia
Volumosa
Protein
Requirements
Roughage
Description: O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos dos cincos niveis de volumoso sobre a composicao corporal, as exigencias de energia liquida para mantenca e ganho de peso e os requerimentos liquidos de proteina para ganho de peso. Foram usados quarenta e oito bezerros mesticos (Holandes x Zebu), machos, nao-castrados, com idade aproximada de 60 dias e peso vivo medio inicial de 60 kg. Oito animais foram abatidos ao inicio do experimento, para servirem de referencia; 32 foram alimentados a vontade com concentrado e feno de capim coast-cross (Cynodon dactylon) e distribuidos em quatro grupos de oito animais, de acordo com cada sistema de alimentacao, tratamentos (T), com os seguintes niveis de volumoso nas dietas na base da materia seca: T1 = 10, T2 =25; T3 = 40 e T4 = 55%; e oito animais receberam 90% de volumoso e 10% de concentrado (T5), para atender as exigencias ligeiramente acima da mantenca. Quatro animais de cada tratamento foram abatidos quando atingiram 180 + - 10 kg PV (grupo 2); os outros quatro, ao atingirem o peso 300 + - 10 kgPV (grupo 1); e os do grupo de mantenca, com pesos variados e idade media de abate dos grupos 1 e 2. As exigencias de energia liquida para mantenca foram determinadas em funcao do consumo de energia metabolizavel (EM), para o nivel zero de ingestao de EM. Equacoes de regressao do logaritimo dos conteudos corporais de gordura, energia e proteina foram ajustadas em funcao do logaritimo do peso corpo vazio (PCVZ). Valores de exigencias de energia liquida para mantenca de 71,76 e 8465 Kcal/kg0,75, respectivamente, forma obtidos para animais com 180 e 300 Kg. A quantidade de gordura e o conteudo de energia no peso ganho aumentaram, a medida que se elevou o peso vivo do animal, para todos os niveis de volumoso. A exigencia de energia liquida para mantenca, estimada para os dois grupos em conjunto, foi de 81,3 Kcal/Kg0,75PCVZ. Os valores obtidos foram, em media, 3,46 Mcal e 196g de energia liquida e proteina no kg de ganho de PCVZ, para animais de 300 kg de peso vivo.
Thesagro: Produção animal
Bezerro
Energia
Proteína
NAL Thesaurus: Animal production
body composition
calves
energy
Data Created: 1998-11-12
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPATSA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rev.BrasileiradeZootecniav.27n.5p.101310221998.pdf8,53 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace