Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/14304
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Meio Ambiente - Tese/dissertação (ALICE)
Date Issued: 2005
Type of Material: Tese/dissertação (ALICE)
Authors: WATANABE, M. A.
Additional Information: MARIA AICO WATANABE, EMBRAPA - CNPMA.
Title: Ocorrência de ácaros em flores de Lantana camara, L.
Publisher: 2005.
Pages: 46f.
Language: Portugues
Notes: Monografia (Especialista em Plantas Ornamentais e paisagismo) - departamento de Agricultura, Universidade Federal de Lavras, MG.
Description: Lantana camara é um arbusto perene com interesse agronômico pois se trata de uma planta invasora quando em estado selvagem e de uma planta ornamental vistosa quando cultivada em suas centenas de variedades/cultivares. Suas flores multicoloridas de vermelho, alaranjado, amarelo, branco e rosa são polinizadas pelas borboletas, abelhas e beija-flores que são vistos visitando-as frequentemente. Nos corpos desses agentes polinizadores vivem em forésia ácaros que, viajando com seus hospedeiros, desembarcam nas flores de lantana visitadas por aqueles agentes. Como os ácaros não possuem asas, a forésia se constitui no seu principal meio de disseminação entre as plantas hospedeiras. Foram encontrados nas flores de lantana, ácaros das ordens Astigmata e Mesostigmata, que são foréticos em borboletas e beija-flores, o que indica que esses polinizadores são responsáveis pela disseminação dos ácaros no jardim de lantanas pesquisado. Foram encontradas freqüências relativas de ácaros significativamente diferentes conforme a cor das flores de lantana. Este fato está ligado ao comprimento das flores que difere conforme a cor, sendo maiores em flores rosa e vermelha, sendo que nestas últimas foi encontrada a maior frequência relativa de ácaros. A distribuição de ácaros em flores de lantana é também afetada significativamente pelos fatores do meio físico como a temperatura e a umidade relativa do ar. No período da manhã, houve maior incidência de ácaros por sua temperatura e umidade relativa médias serem mais favoráveis que as condições estressantes (alta temperatura e baixa umidade relativa) do período da tarde. As condições do tempo (ensolarado ou nublado) do momento da coleta das flores não afetaram a frequência de ácaros.
Thesagro: Ácaro
Cambara
Polinização
Data Created: 2005-10-26
Appears in Collections:Tese/dissertação (CNPMA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2005TS-Watanabe-Ocorrencia-5485.pdf31,2 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace