Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/156287
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Semiárido - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2005
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: AMORIM, F. M. de
SOUSA, C. B. de
CAMARGO, U. A.
SOARES, J. M.
Additional Information: JOSÉ MONTEIRO SOARES, CPATSA.
Title: Ciclo de produção de cultivares de videiras para vinho no Vale do Submédio São Francisco.
Publisher: In: SEMINÁRIO BRASILEIRO DE PRODUÇÃO INTEGRADA DE FRUTAS, 7., 2005, Fortaleza. Programa e resumos... Fortaleza: Embrapa Agroindústria Tropical, 2005. p. 146.
Series/Report no.: (Embrapa Agroindústria Tropical. Documentos, 99).
Language: pt_BR
Keywords: Uva para vinho
Submédio São Francisco
Description: A região do Submédio São Francisco, iniciou sua produção de uvas viníferas na década de 80, tendo sua expansão tornado expressiva a partir dos anos 90, quando surgiram as demandas por técnicas adequadas de produção. Dentre essas demandas, destaca-se a implantação de modelos de produção com uso reduzido de agroquímicos, viabilizando o emprego de técnicas da produção integrada. O objetivo deste trabalho foi, avaliar a fenologia de cultivares de uvas finas para vinho, disponibilizando informações básicas para o aprimoramento da vitivinicultura nessa região. Este estudo, compreendendo dezoito cultivares de uvas tintas, com 2 anos de idade, foi realizado em um vinhedo E!xperimental, instalado na Fazenda Milano, Santa Maria da Boa vista - PE. Dentro da parcela, foram marcadas dez plantas, registrando-se a seqüência da fenologia de cada cultivar, com intervalos de dois dias, a partir da poda. Adotou-se a escala fenológica, considerando-se: a) início da brotação - quando a p'rimeira, dentre as gemas avaliadas, apresentava-se no estádio 7 (ponto verde); b) início da floração - quando a primeira, dentre as inflorescências avaliadas, apresentava-se com cerca de 50% de flores em antese (estádio 65); c) início de maturação - quando o primeiro, dentre os cachos avaliados, apresentava 50% de bagas em mudança de cor (estádio 85). O ciclo fenológico das cultivares avaliadas variou de 104 a 134 dias após a poda - DAP, sendo classificadas as cultivares como segue: a) ciclo curto (inferior a 115 dias) - Alfrocheiro, Deckrot e Tempranillo; b) ciclo médio (entre 115 e 125 dias) - Alicante Bouschet e Pinot Noir; c) ciclo longo (superior a 125 dias) - Ancelotta, Barbera, Cabernet Sauvignon, Castelão, Grenache, Merlot, Moscato de Hamburgo, Periquita, Petit Verdot, Petite Syrah, Ruby Cabernet, Sangiovese e Tinta Roriz. O início da brotação, para todas as cultivares, foi de 8 DAP. O início da floração e maturação variou, respectivamente, de 9 a 16 e de 32 a 58 DAP.
Thesagro: Viticultura
Vinho
Comportamento de Variedade
NAL Thesaurus: Wine grapes
Data Created: 2005-10-21
ISSN: 1677-1915
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPATSA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
322941p.146.pdf487,04 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace