Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/157476
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Semiárido - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 19-Set-2006
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: SILVA, T. G. F. da
TURCO, S. H . N.
MOURA, M. S. B. de
ZOLNIER, S.
Informaçães Adicionais: Embrapa Semi-Árido.
Título: Zoneamento bioclimático para vacas leiteiras no Estado de Pernambuco.
Edição: 2006
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE BIOMETEOROLOGIA, 4., 2006, Ribeirão Preto. Mudanças climáticas: impacto sobre homens, plantas e animais: anais. Ribeirão Preto: Instituto de Zootecnia, 2006.
Idioma: pt_BR
Notas: 1 CD-ROM.
Palavras-chave: Produção de leite
Índice de temperatura
Umidade
Conforto térmico
Conteúdo: Foram utilizados os dados de temperatura e umidade relativa do ar de 252 localidades distribuídas pelo Estado de Pernambuco, com o objetivo de realizar um zoneamento bioclimático para o referido estado, baseando-se nos valores do índice de temperatura e umidade (ITU) para os meses mais quentes do ano. Os valores de IU obtidos variaram de 68 a 79, sendo que as microrregiões que apresentaram menores valores do ITU foram a do Vale do Ipojuca, Vale do Ipanema e Garanhuns, onde estão localizados os principais municípios produtores de leite, segundo dados do IBGE (2003). As microrregiões situadas próximas ao litoral e inserida na região semi-árida nordestina foram as que apresentaram condições climáticas mais desfavoráveis para o conforto térmico animal. Assim, para tais regiões a utilização de técnicas manejo e de condicionamento térmico torna-se de fundamental importância para reduzir as perdas de produtividade pelo gado leiteiro.
Ano de Publicação: 2006
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPATSA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OPB708.pdf65,15 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace