Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/15917
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio Ambiente - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 11-Jan-2008
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: ASSALIN, M. R.
DURÁN, N.
Informaçães Adicionais: MARCIA REGINA ASSALIN, CNPMA; Nelson Durán, Núcleo de Ciências Ambientais Universidade de Mogi das Cruzes.
Título: Novas tendências para aplicação de ozônio no tratamento de resíduos: ozonização catalítica.
Edição: 2007
Fonte/Imprenta: Analytica, São Paulo, n.26, p.76-86, 2007.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Ozonização catalítica
Descontaminação ambiental
Conteúdo: Ozônio é uma importante tecnologia aplicada tanto ao tratamento de águas de abastecimento como residuárias. Devido ao seu elevado potencial de oxidação, é aplicado como uma tecnologia capaz de reduzir e/ou remover inúmeros parâmetros de poluição ambiental, tais como cor, concentração de fenóis, toxicidade etc.. No entanto, a ozonização por si só, não é capaz de atingir a completa remoção da carga orgânica presente no meio. Embora isto seja bastante evidenciado, quando a ozonização é realizada em meio ácido (devido à formação de compostos refratários), em reações de ozonização via radical hidroxila (meio alcalino), a completa mineralização da carga orgânica também não é observada. A ozonização catalítica constitui umas das mais recentes e promissoras tecnologias aplicadas ao processo de descontaminação ambiental. Neste trabalho são apresentados diferentes processos de ozonização catalítica e discutidos processos de ozonização catalítico, principalmente quanto à remoção de carga orgânica. São apresentados diferentes processos de ozonização catalíticos, sejam de natureza homogênea ou heterogênea. Este trabalho descreve as mais recentes e importantes tendências da aplicação da ozonização catalítica, dentro do contexto de descontaminação ambiental, enfocando principalmente processos catalíticos homogêneos e heterogêneos. Uma comparação com processos de ozonização convencional também é apresentada.
Ano de Publicação: 2007
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPMA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2007AP041.pdf4,39 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace