Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/287142
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 21-Mai-2009
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: MAIA, M. C. C.
VELLO, N. A.
ROCHA, M. de M.
FONSECA JÚNIOR, N. S. da
LAVORANTE, O. J.
PINHEIRO, J. B.
DIAS, C. T. dos S.
ASSIS, G. M. L. de.
Informaçães Adicionais: Maria Clideana Cabral Maia, Embrapa Acre; Natal Antonio Vello, ESALQ/USP; Maurisrael de Moura Rocha, Embrapa Meio Norte; Nelson Silva da Fonseca Júnior, IAPAR; Osmir José Lavorante, Embrapa Florestas; José Baldin Pinheiro, ESALQ/USP; Carlos Tadeu dos Santos Dias, ESALQ/USP; Giselle Mariano Lessa de Assis, Embrapa Acre.
Título: Seleção de linhagens experimentais de soja para características agronômicas e tolerância a insetos.
Edição: 2009
Fonte/Imprenta: Bragantia, Campinas, v. 68, n. 1, p. 85-97, 2009.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Glycine max
População segregante
Análise univariada
Conteúdo: Esta pesquisa visou avaliar linhagens experimentais de soja, com a finalidade de identificar genótipos que reúnam características de alta produtividade e tolerância a insetos. O material foi composto por três populações obtidas de um dialelo parcial 4 x 4 envolvendo quatro genitores tolerantes a insetos e quatro cultivares de elevada produtividade. Foram conduzidos 24 experimentos no delineamento aleatório, em blocos com duas repetições subdivididas em conjuntos experimentais com testemunhas comuns, combinando as três populações e oito ambientes. Com base na produtividade de grãos, concluiuse que: existe variabilidade genética remanescente entre as linhagens nas três populações; o manejo diferenciado com controle intensivo de insetos e controle ecológico de insetos (CII vs. CEI) é um representante eficiente de ambientes diversos; o local Anhembi destacou-se como de alta produtividade em todas as situações; para a capacidade de gerar linhagens superiores, sobressaíram-se os genitores IAC-100, D72-9601-1, BR-6, Davis e IAS-5; destaques especiais envolveram os cruzamentos do genitor IAC-100 com IAS-5, Davis, OCEPAR-4 e BR-6.
Ano de Publicação: 2009
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
a10v68n1.pdf117,21 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace