Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/339844
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Solos - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 12-Fev-2009
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: DART, R. de O.
BERBARA, R. L. L.
MENDONÇA-SANTOS, M. de L.
BORNES FILHO, M. C. Q.
TATO, G. K.
Informaçães Adicionais: RICARDO DE OLIVEIRA DART, CNPS; Ricardo Luis Louro Berbara, UFRRJ; MARIA DE LOURDES M SANTOS BREFIN, CNPS; Mauro César Quevedo Bornes Filho, UFRJ; Gustavo Klotz Tato, Embrapa Solos.
Título: Propriedades dos solos em três sucessões de floresta tropical seca.
Edição: 2008
Fonte/Imprenta: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE MANEJO E CONSERVAÇÃO DO SOLO E DA ÁGUA, 17., 2008, Rio de Janeiro. Manejo e conservação do solo e da água no contexto das mudanças ambientais. Rio de Janeiro: SBCS: Embrapa Solos: Embrapa Agrobiologia, 2008. (Embrapa Solos. Documentos, 101).
Páginas: 4 p.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: solos
floresta tropical seca
Parque Estadual da Mata Seca
Conteúdo: O aumento da qualidade da cobertura vegetal pode ter ligação direta com as propriedades químicas e físicas do solo. Esse trabalho objetivou estudar como alguns atributos do solo modificam de acordo com a mudança da complexidade da cobertura vegetal, em três estágios de sucessão (inicial, intermediário e tardio), em Floresta Tropical Seca, no Parque Estadual da Mata Seca, Minas Gerais. Com a finalidade de monitorar os solos, dos estágios sucessionais estudados, instalou-se em cada estágio um tratamento, com três replicadas em cada, totalizando nove parcelas de monitoramento. Realizaram-se coletas de solos em três profundidades, 0-10 cm, 10-20 cm e 20-40 cm. Os tratamentos nos estádios inicial e tardio apresentaram teor de carbono orgânico (C) mais elevado do que o tratamento no estágio intermediário. Os resultados apontam para associação da capacidade de troca catiônica (CTC) com a capacidade de fixar carbono, onde a CTC elevada esteve associada ao alto teor de C, nos estágios inicial e tardio.
Ano de Publicação: 2008
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
trab8657451.pdf171,01 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace