Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/444579
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 11-Nov-2003
Tipo do Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: FRANÇA-NETO, J. B.
ZORATO, M. F.
YUYAMA, M. M.
CARVALHO, P. G. B.
NEPOMUCENO, A. L.
KRZYZANOWSKI, F. C.
COSTA, N. P.
NEUMAIER, N.
Informaçães Adicionais: JOSE DE BARROS FRANCA NETO, CNPSO; ALEXANDRE LIMA NEPOMUCENO, SRI; FRANCISCO CARLOS KRZYZANOWSKI, CNPSO; NILTON PEREIRA DA COSTA, CNPSo; NORMAN NEUMAIER, CNPSO.
Título: Caracterização em fitotron de cultivares de soja quanto ao enrugamento de sementes causado por estresses térmico e hídrico.
Edição: 1997
Fonte/Imprenta: Informativo ABRATES, Curitiba, v. 7, n. 1/2, p. 45, jul;/ago. 1997. Número especial, ref. 023.
Idioma: pt_BR
Notas: Edição do X Congresso Brasileiro de Sementes, 1997.
Conteúdo: RESUMO - A expressão da característica do enrugamento pode variar de maneira acentuada com a flutuação das condições climáticas de uma safra para a outra, tornando difícil a padronização de métodos, a nível de campo, para caracterizar cultivares de soja. Para se obter um bom nível de precisão, torna-se necessária a padronização das condições de estresse a que são sujeitas as plantas, principalmente durante a fase de enchimento de grãos. O objetivo desse experimento foi padronizar metodologia para a seleção de genótipos de soja tolerantes ao enrugamento, em condições controladas de temperatura, luz e umidade. Plantas das cultivares Bragg (sensível ao enrugamento), BR-36 (moderadamente sensível) e BR-16 (tolerante) foram submetidas, durante a fase de enchimento de grãos, a condições distintas, simuladas em fitotrons, com dois regimes de temperaturas (elevadas - máxima de 36ºC e amenas - máxima de 28ºC) e duas condições de disponibilidade hídrica do solo: seco (25%UG) e normal (35%UG). Comparando-se os efeitos das altas temperaturas e da baixa disponibilidade hídrica sobre a expressão do enrugamento, verificou­ se que altas temperaturas apresentaram um efeito mais efetivo do que a baixa disponibilidade hídrica, uma vez que plantas de Bragg e BR-36, submetidas a altas temperaturas, produziram índices expressivos de enrugamento, mesmo quando sujeitas a teores adequados de umidade do solo. BR-16 apresentou índices inexpressivos de enrugamento, mesmo quando submetida aos tratamentos mais estressantes. A caracterização dessas três cultivares no fitotron apresentou grandes vantagens, em relação às avaliações realizadas a campo, principalmente porque permite o controle das condições de estresse. No campo, além de não haver o controle desses fatores, as avaliações estão restritas apenas às épocas mais propícias para a ocorrência de veranicos , as quais devem coincidir com o período de enchimento de grãos, o que nem sempre acontece. Essa metodologia permite que as avaliações possam ser realizadas durante o ano todo, independentemente das condições climáticas externas e também planejar a avaliação de até oito genótipos num período de quatro semanas.
Thesagro: Soja.
Ano de Publicação: 1997
Aparece nas coleções:Resumo em anais de congresso (CNPSO)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ID224380001.pdf379,95 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace