Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/444885
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2001
Type of Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Authors: COSTA, N. P.
FRANÇA-NETO, J. B.
KRZYZANOWSKI, F. C.
HENNING, A. A.
MESQUITA, C. M.
Additional Information: NILTON PEREIRA DA COSTA, CNPSo; JOSE DE BARROS FRANCA NETO, CNPSO; FRANCISCO CARLOS KRZYZANOWSKI, CNPSO; ADEMIR ASSIS HENNING, CNPSO; CEZAR DE MELLO MESQUITA, CNPSo.
Title: Antecipacao de colheita de sementes de soja.
Publisher: Informativo ABRATES, Londrina, v.11, n.2, p.96, set. 2001. Numero especial, ref. 101.
Language: pt_BR
Notes: Edicao de Resumos do XII Congresso Brasileiro de Sementes, 17 a 20 de Setembro de 2001, Curitiba, PR.
Description: Após a maturidade fisiológica da soja, a semente pode ser considerada como armazenada em campo, en­ quanto a colheita não se processa. Associada aos problemas de deterioração, a incidência de danos mecânicos tem afetado severamente a qualidade da semente/grão produzida na maioria das regiões produtoras de soja, onde tem ocorrido altos percentuais de descarte de lotes, em função da incidência de danos para maioria da cultivares de soja plantadas atualmente no Brasil. Na safra 1999/2000 foi conduzido um experimento em Londrina, testando-se cinco épo­cas de semeadura, sendo realizadas colheitas em duas épocas: antecipada, com grau de umidade próximos de 18%, e normal, com o grau de umidade das sementes ao redor de 13%. Em cada época de colheita, dois métodos de colheita foram realizados: manual, colhendo-se uma área útil de 5 m2 , e mecânica, colhendo-se uma faixa de cerca de 20 m de comprimento, com uma colhedora, marca SLC. A regulagem do sistema de trilha foi otimizada, de acordo com umidade das sementes : 500 rpm para sementes com graus de umidade ao redor de 13% e 600 rpm, para sementes com 18% de umidade. A cultivar utilizada foi a BRS 133.0s parâmetros utilizados para avaliar a qualidade das sementes foram obtidos através dos seguintes testes: germinação; tetrazólio (vigor, viabilidade, dano mecânico, deterioração por umidade e le­sões de percevejos); hipoclorito, para determinação do índice de ruptura do tegumento ; emergência em areia; grau de umidade; e patologia. Os resultados do estudo mostraram que a colheita de soja quando realizada antecipadamente (18% de umidade) proporcionou índices de danos mecânicos que variaram de 6,2% a 13% (TZ 6-8), para as colheitas realizadas mecanicamente, para a quase totalidade das épocas de colheita, levando a valores de vigor que variaram de 57,2% a 71,8% (TZ 1-3), cujos resultados comprometeram tanto a germinação como a viabilidade quando comparado com sementes colhidas mecanicamente com 13% de umidade e manualmente. Pode-se concluir que a colheita anteci­pada de sementes de soja, mesmo, utilizando-se colhedora ajustada do sistema de trilha, pode proporcionar acentuados níveis de danos mecânicos , afetando a sementes de qualidade.
Thesagro: Colheita
Semente
Soja.
Data Created: 2001-09-26
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CNPSO)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ID15160001.pdf384,89 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace