Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/46059
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pecuária Sudeste - Tese/dissertação (ALICE)
Data do documento: 8-Abr-2002
Tipo do Material: Tese/dissertação (ALICE)
Autoria: NUSSIO, C. M.B.
Informaçães Adicionais: Embrapa Pecuária Sudeste, São Carlos, SP
Título: Processamento de milho e suplementação com monensina para bezerros leiteiros pré e pós desmama precoce.
Edição: 2002
Fonte/Imprenta: 2002
Páginas: 104p.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Milho processado
Gado leiteiro
Bezerros
Monensina
Pre desmama precoce
Pós desmama precoce
Suplementação
Corn processing
Monensin suplementation
Dairy Milk
Dairy calves
Pre early weaning
Conteúdo: Tanto a administração de monensina quanto o processamento de grãos alteram o padrão de fermentação ruminal de forma a aumentar a disponibilidade de energia e proteína para o animal, resultando em melhor desempenho. Dois trabalhos foram conduzidos com o objetivo de avaliar o efeito de concentrados contendo milho laminado a vapor ou floculado, com ou sem a adição de monensina, no consumo de MS, ganho de peso e parâmetros sanguíneos e ruminais de bezerros leiteiras, antes e após a desmama realizada a sexta semana de vida. No primeiro experimento foram utilizadas 32 bezerras holandesas do nascimento a 12 semanas de vida, em um delineamento experimental do tipo blocos ao acaso, com arranjo fatorial 2x2. Do nascimento a desmama os animais receberam concentrado ad libitum até o consumo de 2 kg/d , quatro litros diários de leite e tiveram acesso livre à água. Após a desmama, realizada na sexta semana de vida, os animais continuaram recebendo 2 kg de concentrado e passaram a ter acesso a feno picado ad libitum. O tipo de processamento de grão ou a adição de monensina não afetou o consumo médio de concentrado ou feno monensina (P=O,O8). Houve efeito significativo da idade animal nas concentrações plasmáticas de glicose (P<O,OOO1 ), N-uréico (P<O,OO1 ) e AGL (P<O,O2). Somente os parâmetros glicose e AGL plasmáticos foram afetados pelo horário após o fornecimento do alimento. No segundo experimento, 16 bezerros holandeses fistulados no rúmen com 3 a 5 dias de vida, foram agrupados em blocos ao acaso, com arranjo fatorial 2x2. Os animais receberam concentrado ad libitum até o consumo de 2 kg/d , 4 litros diários de leite e tiveram acesso livre à água. Após a desmama, realizada na oitava semana de vida, os animais passaram a receber 2 kg/d de concentrado e feno picado ad libitum. Os tratamentos não afetaram (P>O,O5) o consumo de concentrado e feno, assim como o desempenho animal. A concentração molar de propionato (P<O,O5) foi maior para animais recebendo grão laminado. Houve tendência de maior concentração molar de AGV total (P=O, 11) e butirato (P=O,13) para animais recebendo grão laminado. A inclusão de monensina tendeu a reduzir as concentrações de N-NH3 ruminal (P=O,12). O peso do retículo-rúmen (% trato total) tendeu (P=O,O9) a ser maior em animais recebendo grão laminado e monensina. A capacidade do retículo-rúmen foi aumentada (P<O,O5) pelo fornecimento de grão laminado e Monensina" Milho floculado resultou em menor peso do abomaso em % trato total (P<O,O1 ).
Ano de Publicação: 2002
Aparece nas coleções:Tese/dissertação (CPPSE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Carla.pdf668,73 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace