Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/48393
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pecuária Sudeste - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 14-Jun-2007
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: BERGAMASCHINE, A. F.
PASSPLER, M.
VERIANO FILHO, W. V.
ISEPON, O. J.
CORRÊA, L. de A.
Título: Qualidade e valor nutritivo de silagens de capim-marandu (B. brizantha cv. Marandu) produzidas com aditivos ou forragem emurchecida.
Edição: 2006
Fonte/Imprenta: Revista Brasileira de Zootecnia, v. 35, n. 4, p. 1454-1462, 2006.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Inoculante enzimático-bacteriano
Polpa cítrica.
Conteúdo: Avaliaram-se a qualidade e o valor nutritivo de silagens de capim-marandu produzidas com polpa cítrica (PC) peletizada, com aditivo enzimático-bacteriano (ABE) ou com forragem emuchercida (E): T1 - forragem sem tratamento (controle); T2 - 10% de polpa cítrica peletizada (PC); T3 - aditivo enzimático bacteriano (AEB - SIL-ALL-C4 da Alltech), à base de 5 g/L de água/t de forragem; T4 - forragem picada grosseiramente emurchecida por 4 horas ao sol. O capim foi colhido aos 60 dias de rebrota (24% MS). Para avaliar o consumo e a digestibilidade das silagens, foram utilizados 16 novilhos mestiços com 200 kg de PV, que receberam, além das silagens, 1,0 kg de concentrado/animal/dia. O AEB não afetou a composição da silagem, mas a PC e o E aumentaram o teor de MS de 24% para 31 e 48%, respectivamente, e reduziram o pH e os teores de N-NH3 das silagens, que foram, respectivamente, de 4,17 e 4,58 e 6,78 e 7,99% NT. A PC diminuiu os teores de FDN e FDA em 12 e 4 unidades percentuais. O consumo de MS da silagem produzida com capim emurchecido foi superior (111,8 g MS/PV0,75) ao das silagens controle ou com AEB, mas não diferiu do obtido para a silagem com PC, que também não diferiu das demais. Os tratamentos não afetaram a digestibilidade, cujas médias para MS, PB, CT, FDN, FDA e NDT foram 67,0; 65,4; 68,8; 63,0; 62,5; e 65,6%, respectivamente. A PC e o E reduziram a proteólise e estimularam o consumo. A PC, o E e o AEB não melhoraram o valor nutritivo da silagem de capim-marandu colhido com 24% MS.
Thesagro: Consumo
Digestibilidade.
Ano de Publicação: 2006
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPPSE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
27.pdf242,78 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace