Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/491027
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Milho e Sorgo - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 10-Ago-2009
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: SAVIO, F. L.
FARIA, P. N.
PEREIRA, W. A.
OLIVEIRA, A. B. de
TARDIN, F. D.
RODRIGUES, J. A. S.
SCHAFFERT, R. E.
Informaçães Adicionais: FLAVIO DESSAUNE TARDIN, CNPMS; JOSE AVELINO SANTOS RODRIGUES, CNPMS; ROBERT EUGENE SCHAFFERT, CNPMS.
Título: Divergência genética em híbridos de sorgo cultivados sob diferentes níveis de fósforo, em solução nutritiva.
Edição: 2008
Fonte/Imprenta: Revista Brasileira de Milho e Sorgo, Sete Lagoas, v. 7, n. 3, p. 305-321, 2008.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Sorghum bicolor
Dissimilaridade genética
Análise multivariada
Doses de P
Conteúdo: Os objetivos deste trabalho consistiram em identificar a presença de diversidade genética entre acessos de sorgo, em diferentes condições de disponibilidade de P, em solução nutritiva, e determinar quais as características que mais contribuíram para a discriminação dessa divergência. O experimento foi conduzido em casa-de-vegetação, num arranjo fatorial 9x4, sendo nove híbridos de sorgo e quatro doses de P (3, 32, 97 e 129 µM de P.L-1 de solução nutritiva), sob delineamento em blocos ao acaso, com três repetições. Os dados foram submetidos à análise de variância e, posteriormente, ao estudo de dissimilaridade genética, utilizando a matriz de distância generalizada de Mahalanobis e a contribuição relativa das características para a divergência, pelo método de Singh (1981). Concluiu-se que a dose de 3 µM de P.L-1 de solução apresentou valores discrepantes dos demais, sendo desconsiderados seu valores para análise de variância conjunta. Diferenças significativas para todas as características avaliadas foram observadas entre os híbridos, nas doses de P analisadas (32, 97 e 129 µM de P.L-1 de solução nutritiva). A concentração de 97 µM de P.L-1 gerou o maior número de grupos de genótipos. Entretanto, variabilidade genética foi observada também nas demais doses de P. Sob as concentrações de P avaliadas, verificou-se que a característica massa seca total foi a que mais contribuiu para a expressão da dissimilaridade genética entre os híbridos. O híbrido experimental 0735019 apresentou eficiência e responsividade a utilização de P, demonstrando os maiores valores para as características avaliadas nos diferentes níveis de P estudados.
Ano de Publicação: 2008
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPMS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Divergenciagenetica.pdf480,43 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace