Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/531972
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 7-Jul-2006
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: CARVALHO, F. C. de
GARCIA, R.
ARAUJO FILHO, J. A. de
PAULINO, M. F.
PEREIRA, O. G.
COUTO, L.
ROGERIO, M. C. P.
Informaçães Adicionais: Fabiano Cavalcante de Carvalho, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) - Sobral, CE; Universidade Federal de Viçosa (UFV) - Viçosa, MG.; JOÃO AMBRÓSIO DE ARAÚJO FILHO, CNPC; Mário Fonseca Paulino, UFV; Odilon Gomes Pereira, UFV; Laércio Couto, UFV; Marcos Cláudio Pinheiro Rogério, UVA.
Título: Desempenho produtivo de ovelhas Crioulas em um sistema de produção de agrissilvipastoril, no semi-árido brasileiro.
Edição: 2004
Fonte/Imprenta: Agrossilvicultura, Viçosa, MG, v. 1, n. 1, p. 81-90, jan./jun. 2004.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Crioula
Desempenho produtivo
Sistema agrossilvipastoril
Brasil
Região Nordeste
Semi-árido.
Conteúdo: Resumo - O estudo foi conduzido em um sistema agrissilvipastoril na Embrapa Caprinos em Sobral - CE, Brasil, no período de 1999 a 2001. Objetivou-se determinar o efeito do sistema de produção agrissilvipastoril sobre o desempenho produtivo de ovelhas Crioulas, na região semi-árida do Nordeste brasileiro. Nos sistemas agrissilvipastoril e tradicional foram utilizadas matrizes ovinas Crioulas e reprodutores Santa Inês. Com relação às matrizes foram monitorados os pesos ao pós-parto e à desmama, a fertilidade ao parto, a prolificidade e a distribuição estacional dos partos. Os resultados mostraram que o peso vivo médio (PVM) das matrizes ao pós-parto não foi influenciado pelo sistema de produção e pela estação do ano, porém registrou-se o efeito de ano, e que o PVM à desmama não foi influenciado por nenhuma das fontes de variação estudadas. Os valores dos parâmetros reprodutivos avaliados, fertilidade ao parto e prolificidade, foram elevados para o sistema agrissilvipastoril e normais para o tradicional, comparados aos obtidos na região. No sistema agrissilvipastoril, apesar de não ter havido diferença no desempenho das matrizes, é possível a obtenção de três partos em dois anos, mais bem distribuídos, sem comprometimento do desempenho dos animais, desde que haja suplementação no período seco. ABSTRACT: A study was conducted at Embrapa Caprinos in Sobral, Ceara, Brazil, during 1999 ? 2001, to determine the effect of an agrosilvipastoral production system on the productive performance of Creole ewes in the semi-arid region of Northeastern Brazil. Creole ewes and Santa Inês rams were used in the agrosilvipastoral and traditional systems. Ewe weight at post-partum and weaning, fertility at birth, prolificacy rate and seasonal birth distribution were monitored. The results showed that medium alive weight (MAW) of ewes at postpartum was not influenced by the production system and season; however, year effect was recorded and MAW at weaning was not influenced by any of the variation sources studied. The values of the reproductive parameters fertility at birth and prolificacy were high for the agrosilvipastoral system and normal for the traditional system, compared to those obtained in the semi-arid region of Northeastern Brazil. Although no differences were found in the performance of the ewes, three better distributed births are likely to occur in two years in the agrosilvipastoral systemwithout compromising animal performance, provided feed supplement is available during the dry period.
Thesagro: Ovino.
Ovelha
Ano de Publicação: 2004
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
APIDesempenhoprodutivodeovelhas.pdf558,5 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace