Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/631779
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Acre - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 29-Jan-2010
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: BRAGA, E. T. M.
WADT, L. H. de O.
MARTINS, K.
Informaçães Adicionais: Eneide Taumaturgo Macambira Braga, Seaprof; LUCIA HELENA DE OLIVEIRA WADT, CPAF-AC; Karina Martins, Ufscar.
Título: Morfologia de frutos e análise de produção de castanha-do-brasil Bertholletia excelsa H.B.K. na Reserva Extrativista Chico Mendes-Acre.
Edição: 2009
Fonte/Imprenta: In: SEMINÁRIO ANUAL DE COOPERAÇÃO UFAC/UF., 2009, Rio Branco, AC. Parcerias em pesquisa e ação para a conservação e desenvolvimento sustentável: anais. Rio Branco, AC: UFAC, 2009. 1 CD-ROM.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Castanheira
Bertholletia excelsa
Castanha-do-brasil
Fruto
Produção
RESEX Chico Mendes
Xapuri (AC)
Acre
Amazônia Ocidental
Conteúdo: A castanheira (Bertholletia excelsa H.B.K.) é uma espécie arbórea da região Amazônica, da qual se coleta a castanha-do-Brasil. Os extrativistas relatam a existência de dois tipos de castanheira, brancas e vermelhas, sendo que a diferença entre as castanheiras está na cor da madeira, no potencial produtivo, no aspecto e porte das árvores e na morfologia e tamanho dos frutos e amêndoas. O estudo foi realizado na RESEX Chico Mendes, em Xapuri, AC. Foram coletados 10 frutos de cada uma de 30 árvores, sendo 15 castanheiras vermelhas e 15 brancas. Foram obtidos as dimensões, a espessura de pericarpo, o peso médio de frutos e o número de amêndoas por fruto. Obteve-se as dimensões e o peso de 10 amêndoas de cada fruto. Dados de produção média anual dessas 30 árvores foram utilizados para comparação da produção média. Os dados foram analisados por meio de Análise de Variância e do teste t. Apenas a espessura do pericarpo e a produção média de frutos diferiram estatisticamente entre os dois tipos de castanheiras. O pericarpo das castanheiras vermelhas foi significativamente mais espesso (1,189 ± 0,085 cm; p = 0,001) que das castanheiras brancas (1,013 ± 0,160 cm). A produção média de castanheiras vermelhas foi cerca de três vezes superior a das brancas (p = 0,02), com média de 149,20 ± 103,68 frutos para as vermelhas e 56,09 ± 28,33 frutos para as brancas.
Ano de Publicação: 2009
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPAF-AC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
22656.pdf1,16 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace