Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/667236
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Amazônia Ocidental - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 27-Nov-1996
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: PEREIRA, A. V.
PEREIRA, E. B. C.
Informaçães Adicionais: EMBRAPA-CNPSD.
Título: Influencia do tamanho do saco de plastico no desenvolvimento de mudas de seringueira.
Edição: 1986
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, v. 21, n. 9, p. 945-948, 1986.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Porta-enxerto
Brasil
Amazonas
Manaus
Rubber tree
Species
Plant stock
Grafting
Rootstock
Nursery.
Conteúdo: Determinacao do menor tamanho de saco de plastico adequado para a formacao de mudas de seringueira (Hevea spp.) com dois a tres lancamentos foliares. Tocos enxertados foram transplantados para sacos de plasticode seis tamanhos diferentes e deixados para crescer durante quatro meses. Quando as mudas apresentaram tres lancamentos foliares maduros, foram medidos altura e diametro do caule dos enxertos. Foram tambem analisados os aspectos relacionados com o sistema radicular, manejo e economia das mudas. Os resultados obtidos mostraram que sacos de 15 cm x 35 cm e de 15 cm x 40 cm sao igualmente adequados pra o desenvolvimento das mudas e economicamente mais viaveis, em relacao aos sacos de maior tamanho. Por outro lado, sacos de dimensoes inferiores causaram r estricoes ao desenvolvimento das mudas ou ao seu manejo.
Thesagro: Enxerto
Espécie
Hevea
Muda
Seringueira
Viveiro.
Ano de Publicação: 1986
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPAA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
14954662611SM.pdf455,27 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace