Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/696785
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 16-Abr-2010
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: FRANCEZ, L. M. de B.
CARVALHO, J. O. P. de
JARDIM, F. C. da S.
QUANZ, B.
PINHEIRO, K. A. O.
Informaçães Adicionais: LUCIANA MARIA DE BARROS FRANCEZ, SEMA/PA; JOÃO OLEGÁRIO PEREIRA DE CARVALHO, CPATU; FERNANDO CRISTÓVAM DA SILVA JARDIM, UFRA; BEATRIZ QUANZ, SEMA/PA; KLEWTON ADRIANO OLIVEIRA PINHEIRO, EAFC/PA.
Título: Efeito de duas intensidades de colheita de madeira na estrutura de uma floresta natural na região de Paragominas, Pará.
Edição: 2009
Fonte/Imprenta: Acta Amazonica, Manaus, v. 39, n. 4, p. 851-864, dez. 2009.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Estrutura horizontal
Exploração de impacto reduzido.
Conteúdo: Foram estudadas as mudanças na estrutura de 108ha de uma floresta primária submetida a duas intensidades de colheita de madeira, na Fazenda Rio Capim, pertencente à Cikel Brasil Verde Madeiras Ltda., no município de Paragominas, Pará. Os dados foram coletados, em dois períodos (2003, antes da exploração, e 2004, após a exploração) em 36 parcelas permanentes quadradas de 0,25ha, estabelecidas aleatoriamente na área, sendo12 em floresta não-explorada: Testemunha - T0; 12 em floresta explorada com colheita apenas do fuste comercial das árvores: Tratamento - T1; e 12 em floresta explorada com colheita do fuste e dos resíduos lenhosos: Tratamento - T2. Em 2003 foram registrados 4469 indivíduos com DAP > 10cm, nas 36 parcelas amostradas (9ha). Sete meses após a exploração (2004), foram observados na área 4531 indivíduos com DAP > 10cm, sendo 4330 vivos. Lecythis idatimon, Poecilanthe effusa, Rinorea flavescens, Eschweilera grandiflora, Eschweilera pedicellata, Inga sp., Protium spp., Vouacapoua americana, Guatteria poeppigiana e Eschweilera coriacea foram as dez espécies mais importantes, tanto antes como após a exploração. A estrutura da floresta, tanto no T1 como no T2, sofreu alterações significantes devido à exploração a que foi submetida. Entretanto, não foram verificadas diferenças significativas entre os três tratamentos, sugerindo que com a intensidade de exploração aplicada, mais a retirada adicional dos resíduos, a floresta manteve as características semelhantes à floresta original, apesar do menor estoque de árvores adultas de espécies comerciais. Recomendam-se estudos sobre a regeneração natural (DAP < 10cm), silvicultura pós-colheita e crescimento da floresta.
Thesagro: Madeira.
NAL Thesaurus: Amazonia.
Ano de Publicação: 2009
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPATU)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
v39n4a14.pdf455,68 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace