Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/748951
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Caprinos e Ovinos - Tese/dissertação (ALICE)
Data do documento: 5-Mai-2010
Tipo do Material: Tese/dissertação (ALICE)
Autoria: RICARTE, A. R. F.
Informaçães Adicionais: Aracely Rafaelle Fernandes Ricarte.
Título: Avaliação da susceptibilidade de gametas e embriões caprinos ao vírus da artrite encefalite caprina.
Fonte/Imprenta: 2009.
Idioma: pt_BR
Notas: Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias - Área de concentração: Reprodução e Sanidade Animal) - Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza. Orientadora: Maria Fátima da Silva Teixeira; Co-orientadora: Alice Andrioli Pinheiro - Embrapa Caprinos e Ovinos (CNPC).
Conteúdo: Resumo: Um dos métodos de prevenção da artrite encefalite caprina (CAE) é a separação e sacrifício de animais soropositivos; levando assim a perdas de animais com alto valor genético. Neste contexto; o uso de biotécnicas reprodutivas surge como uma alternativa para o resgate e utilização do material genético desses animais. Por este motivo é que se faz necessário a realização de pesquisas para se avaliar a susceptibilidade dos gametas e embriões e ainda os parâmetros reprodutivos de fêmeas caprinas acometidas com o CAEV. Sendo assim; os objetivos da presente pesquisa foi o de realizar análise molecular e ultra-estrutural de espermatozóides caprinos de animais infectados naturalmente e experimentalmente e ainda em espermatozóides infectados in vitro; caracterizar a ocorrência de degeneração; e ainda presença do vírus da artrite encefalite caprina e susceptibilidade dos folículos ovarianos; espermatozóides e embriões caprinos ao mesmo; e por último avaliar a recuperação de embriões na produção in vivo de embriões de fêmeas caprinas naturalmente infectadas com o CAEV submetidas a um protocolo de superovulação; inseminação artificial e coleta de embriões. Para isto; o experimento foi divido em três etapas; na primeira delas; submeteu-se quatro fêmeas soropositivas para o CAEV e duas fêmeas negativas (grupo controle) a um protocolo de superovulação. Observou-se no grupo de fêmeas positivas para o CAEV um número maior de estruturas recuperadas (oócitos e embriões) do que no grupo controle. Na segunda etapa; foi pesquisada a presença do CAEV em espermatozóides de machos naturalmente e experimentalmente infectados; através das técnicas de reação em cadeia da polimerase (PCR) e microscopia eletrônica de transmissão. Posteriormente; foi testada a susceptibilidade de espermatozóides caprinos ao vírus; realizando-se para isto a técnica de swim up e a infecção in vitro dos mesmos; em três tempos distintos (30; 60 e 120 minutos); em seguida foram submetidos ao teste de PCR e microscopia eletrônica de transmissão. De todas as amostras testadas; apenas uma antes do swim up foi positiva na PCR. Em amostra oriunda de animal que havia sido infectado experimentalmente; foi visualizada uma partícula viral do CAEV na região da peça intermediária no interior de vacúolos. Foi observada a presença de vacúolos também na porção da peça intermediária; porém; sem partícula viral no seu interior em amostra oriunda de animal infectado naturalmente. Na última etapa do experimento; foram analisados espermatozóides e folículos ovarianos através das técnicas de imunohistoquímica e microscopia eletrônica de transmissão; antes e após infecção in vitro com o CAEV e ainda embriões caprinos produzidos in vivo oriundos de cabras negativas e positivas para o CAEV. Abstract - One method of prevention of caprine arthritis encephalitis (CAE) is the separation and sacrifice of seropositive animals, thus leading to losses of animals with high genetic value. In this context, the use of reproductive biotechnology emerges as an alternative to the purchase and use of genetic material of animals. For this reason it is necessary that the conduct of research to evaluate the susceptibility of gametes and embryos and the reproductive parameters of female goats affected with CAEV. Thus, the objectives of this research was to perform molecular analysis and ultrastructural spermatozoa of goats from naturally and experimentally infected animals and also in spermatozoa infected in vitro, to characterize the occurrence of degeneration, and presence of the virus caprine arthritis encephalitis and susceptibility of ovarian follicles, spermatozoa and embryos at the same goats, and finally evaluate the recovery of embryos in vivo production of embryos of female goats naturally infected with CAEV undergo a protocol of superovulation, artificial insemination and collection of embryos. For this, the experiment was divided into three stages, the first of them, put up four females seropositive for CAEV negative and two females (control group) to a protocol of superovulation. It was observed in the group of females positive for CAEV a greater number of structures recovered (oocytes and embryos) than in the control group. In the second step, was investigated the presence of CAEV in spermatozoa of males naturally and experimentally infected, through the techniques of polymerase chain reaction (PCR) and transmission electron microscopy. It was subsequently tested the susceptibility of goat spermatozoa to the virus, making up for that swim up the technique of in vitro and infection of them in three different times (30, 60 and 120 minutes), then were tested with the PCR and transmission electron microscopy. In all samples tested, only one before the swim up was positive in PCR. In samples derived from animals that had been experimentally infected, was viewed a viral particle of CAEV in the region of midpiece inside vacuoles. Was observed also the presence of vacuoles in the portion of the midpiece, but no viral particles in its interior in a sample derived from naturally infected animal. In the last step of the experiment, we analyzed spermatozoa and ovarian follicles through the techniques of immunohistochemistry and transmission electron microscopy, before and after in vitro infection with CAEV and goat embryos produced in vivo from positive and negative goats to CAEV, the which were submitted to ultrastructural analysis. In immunohistochemistry of seminal samples, positive immunolabeling was observed in samples from animals infected naturally and artificially
Thesagro: Caprino
Ano de Publicação: 2009
Aparece nas coleções:Tese/dissertação (CNPC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TSAracelyricarte.pdf6,06 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace