Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/880988
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Agroindústria Tropical - Tese/dissertação (ALICE)
Data do documento: 16-Mar-2011
Tipo do Material: Tese/dissertação (ALICE)
Autoria: ARAÚJO, D. B.
Informaçães Adicionais: Daniel Barbosa Araújo, UFC.
Título: Produção de mudas de espécies ornamentais em substratos a base de resíduos agroindustriais e agropecuários.
Edição: 2010
Fonte/Imprenta: 72 f.
Idioma: pt_BR
Notas: Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 21/07/2010. Co-orientador: Fred Carvalho Bezerra, CNPAT.
Palavras-chave: Plantas ornamentais
Resíduos industriais
Mudas
Conteúdo: Dentre as principais tecnologias utilizadas na produção de mudas, destacam-se o tipo de substrato e o volume de recipiente. Atualmente o uso de residuos na formulação de substratos constitui-se uma das formas de reaproveitamento desses materiais. O objetivo desse trabalho foi testar onze substratos e dois tipos de recipientes na produção de mudas de Tagetes patula, Vinca e Pimenta ornamental. Os substratos foram formulados com composto de resíduos de CEASA + esterco bovino (composto 01), resíduos de CEASA + cama de frango (composto 02), bagaço de cana-de-açúcar + esterco bovino (composto 03), bagaço de cana-de-açúcar + cama de frango (composto 04), pó da casca de coco verde e bagana de carnaúba. O experimento foi conduzido em casa de vegetação e os substratos testados foram: SI: composto 01 + pó de coco verde + bagana (1:1 :1; v/v); S2: composto 01 + pó de coco verde (1:2; v/v); S3: composto 01 + bagana de camaúba (1:2; v/v); S4: composto 02 + pó de coco verde + bagana (1:1:1; v/v); S5: composto 02 + pó de coco verde (1:2; v/v); S6: composto 02 + bagana de carnaúba (1 :2; v/v); S7: composto 03 + pó de coco verde (1:1; v/v); S8: composto 03 + bagana de camaúba (1:1; v/v); S9: composto 04 + pó de coco verde (1:1; v/v); SIO:composto 04 + bagana de camaúba (1:1; v/v) e SI 1: substrato comercial. Os recipientes testados foram bandejas plásticas com 162 (30mI/célula) e 200 células (18mI/célula) respectivamente. Em geral, os melhores resultados dentre as culturas estudadas foram observados nos substratos formulados a base de bagana de carnaúba com qualquer um dos compostos utilizados. As bandejas com células de 18 ml produziram mudas de qualidade em Tagetes patula, ao contrário das mudas de Vinca onde se verificou os melhores resultados no volume de 30ml, e nas mudas de Pimenta ornamental não se observou influencia do volume de recipiente.
Ano de Publicação: 2010
Aparece nas coleções:Tese/dissertação (CNPAT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OT10018.pdf3,33 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace