Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/897634
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Soja - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 9-Ago-2011
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: MORAES, L. A. C.
MOREIRA, A.
FONTES, J. R. A.
CORDEIRO, E. R.
MORAES, V. H. de F.
Informaçães Adicionais: LARISSA ALEXANDRA CARDOSO MORAES, CNPSO; ADÔNIS MOREIRA, CNPSO; JOSE ROBERTO ANTONIOL FONTES, CPAA; EVERTON RABELO CORDEIRO, CPAA; VICENTE HAROLDO DE FIGUEIREDO MORAES, In memoriam.
Título: Assessment of rubber tree panels under crowns resistant to South American leaf blight.
Edição: 2011
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 46, n. 5, p. 466-473, maio 2011.
Idioma: en
Conteúdo: The objective of this work was to assess the performance of panel clones under crowns resistant to South American leaf blight (Microcyclus ulei). The experiment was carried out with 18 panel clones crown?budded with Hevea pauciflora x H. guianensis, in a Xanthic Ferralsol (Oxisol) in Manaus, AM, Brazil. The following parameters were evaluated: dry rubber yield, plant nutritional status, and anatomical and physiological characteristics of the latex vessels. In the first three years of evaluation, the panel clones IAN 2878, IAN 2903, CNS AM 7905, CNS AM 7905 P1, and PB 28/59 showed the highest dry rubber yield potential, while the clones IAN 6158, IAN 6590, and IAN 6515 should not be recommended for crown budding. Higher potassium and copper foliar content in panel clones were associated to an increase in dry rubber yield. The simultaneous evaluation of anatomical and physiological characteristics of latex is fundamental for the selection of panel clones in the Amazon region. Crown budding is an efficient technology for South American leaf blight management in endemic regions. Avaliação de painéis sob copas de seringueira resistentes ao mal?das?folhas. O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho de clones de painéis enxertados com copas resistentes ao mal?das?folhas (Microcyclus ulei). O experimento foi realizado com 18 clones de painéis enxertados com copas Hevea pauciflora x H. guianensis, em Latossolo Amarelo distrófico, em Manaus, AM. Foram avaliados os seguintes parâmetros: produtividade de borracha seca, estado nutricional das plantas e características anatômicas e fisiológicas dos vasos laticíferos. Nos três primeiros anos de avaliação, os clones de painel IAN 2878, IAN 2903, CNS AM 7905, CNS AM 7905 P1 e PB 28/59 apresentaram os maiores potenciais de produção de borracha seca, enquanto que os clones IAN 6158, IAN 6590, and IAN 6515 não devem ser recomendados para enxertia de copa. Maior conteúdo foliar de potássio e de cobre nos clones de painéis esteve associado a maiores produções de borracha seca. A avaliação simultânea de características anatômicas e fisiológicas dos vasos laticíferos é fundamental para seleção de clones de painéis na Região Amazônica. A enxertia de copa é uma tecnologia eficiente para o manejo do mal?das?folhas, em regiões endêmicas.
Thesagro: Seringueira
Hevea Brasiliensis.
Ano de Publicação: 2011
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPSO)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PAB46.5.2011.pdf367,82 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace