Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/905029
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Semiárido - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2011
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: LOPES, M. de S.
DIAS, R. de C. S.
DAMACENO, L. S.
TEIXEIRA, F. A.
SILVA, K. M. N.
VIANA, D. H. F.
BARBOSA, G. da S.
SANTOS, M. A. C. dos
COELHO, W. C. P.
Additional Information: MURITSSTAD DE SOUZA LOPES; RITA DE CASSIA SOUZA DIAS, CPATSA; LÉIA SANTOS DAMACENO; FÁTIMA ALVES TEIXEIRA; KATYA MILENA NONATO SILVA; DANYEL HENRIQUE FERREIRA VIANA; GRAZIELA DA SILVA BARBOSA; MÁRCIA ADRIANA CARVALHO DOS SANTOS; WASHINGTON CARVALHO PACHECO COELHO.
Title: Resistência a doenças da parte aérea e características físicas de frutos em genótipos de melão.
Publisher: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA SEMIÁRIDO, 6., 2011, Petrolina. Anais... Petrolina: Embrapa Semiárido, 2011.
Series/Report no.: (Embrapa Semiárido. Documentos, 238).
Language: pt_BR
Keywords: Cancro-das-hastes
Melhoramento genético.
Description: O objetivo deste trabalho foi avaliar oito linhagens avançadas e dois híbridos experimentais de melão Tipo Amarelo quanto à reação ao oídio e ao cancro-das-hastes, sob infecção natural, tendo a cv. Ribatejo como testemunha. O experimento foi conduzido em telado da Embrapa Semiárido, Petrolina, PE. Os genótipos foram cultivados em vasos, preenchidos com mistura (5 L) de solo natural mais esterco (3:1). O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com 11 tratamentos e 10 dez repetições. Avaliou-se a reação dos genótipos ao oídio e ao cancro-das-hastes, usando-se escalas de notas específicas para cada doença. Os frutos foram obtidos por polinização manual controlada e mensurados quanto à massa média (kg) e sólidos solúveis (°Brix). Os genótipos 10.2723.001 (L1) e 10.2716.001 (F1) foram os mais tolerantes ao oídio e 63,6% dos genótipos apresentaram reação de resistência ao cancro das hastes. Os sólidos solúveis variaram de 9,1 ºBrix a 13,4 ºBrix, sendo observados valores mais elevados em 36% dos genótipos. A massa dos frutos foi influenciada pelo cultivo em vasos e o genótipo 10.2716.001 (F1) se destacou dos demais com o maior valor para esta variável. Linhagens com tolerância/resistência às doenças ou com sólidos solúveis acima de 11 oBrix serão utilizadas em hibridação.
Thesagro: Melão
Cucumis Melo
Doença
Oídio.
Data Created: 2011-11-07
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPATSA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
123177Muritsstad.pdf75,32 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace