Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/908820
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Soja - Capítulo em livro científico (ALICE)
Date Issued: 2011
Type of Material: Capítulo em livro científico (ALICE)
Authors: DEBIASI, H.
FRANCHINI, J. C.
OLIVEIRA, F. A. de
MACHADO, T. M.
Additional Information: HENRIQUE DEBIASI, CNPSO; JULIO CEZAR FRANCHINI DOS SANTOS, CNPSO; FABIO ALVARES DE OLIVEIRA, CNPSO; Thiago Martins Machado, FAPA - Guarapuava.
Title: Ajuste de grades amostrais para o mapeamento da resistência à penetração de um Latossolo Bruno.
Publisher: In: INAMASU, R. Y.; NAIME, J. de M.; RESENDE, A. V. de; BASSOI, L. H.; BERNARDI, A. C. de C. (Ed.). Agricultura de precisão: um novo olhar. São Carlos: Embrapa Instrumentação Agropecuária, 2011.
Pages: p. 138-142.
Language: pt_BR
Keywords: Geoestatística
Description: O efeito da intensidade de amostragem na variabilidade espacial da resistência à penetração (RP) de um Latossolo Bruno sob sistema plantio direto foi avaliado em uma área de 18,9 ha localizada em Guarapuava/PR. A RP foi determinada em maio de 2011, por meio de um penetrômetro eletrônico, nas profundidades de 5, 10, 15, 20, 25 e 30 cm. Utilizou-se uma grade amostral de 30 × 30 m, totalizando 210 leituras de RP. Os dados foram submetidos à análise geoestatística, realizada para diferentes intensidades de amostragem, simuladas pela exclusão de pontos amostrais distribuídos uniformemente pela área. Considerando todos os 210 pontos amostrados, a RP apresentou dependência espacial em todas as profundidades avaliadas. Os modelos ajustados para os semivariogramas variaram de acordo com a profundidade, sendo os piores ajustes obtidos para a camada de maior interesse para avaliação da compactação do solo (10 a 20 cm). Com a diminuição do número de observações, a RP não apresentou dependência espacial simultaneamente em todas as profundidades entre 10 e 20 cm. A variabilidade espacial da RP é influenciada pela profundidade e pela intensidade de amostragem, de modo que a redução do número de pontos amostrais promove maior erro na estimativa desta variável por krigagem, principalmente na camada de maior interesse para o monitoramento do estado de compactação (10 a 20 cm). Adjustment of sampling grids for soil resistance to penetration mapping in a Haplohumox. The effects of sampling rate on spatial variability of soil resistance to penetration (SRP) in a Haplohumox managed under long-term no-tillage were assessed in an agricultural area with 18.9 ha located at Guarapuava County, Paraná State, Southern Brazil. SRP was evaluated in May 2011 at 5, 10, 15, 20, 25 and 30 cm depth. A sampling grid of 30 × 30 m was used, so that 210 SRP measurements were taken at each depth. The data were analyzed using geostatistical techniques, considering different sampling rates by excluding sampling points evenly distributed in the area. Considering all 210 points sampled, SRP values showed spatial dependence for all depths evaluated. The models adjusted to semivariograms varied according to depth. Worse adjustments were obtained for the most important layer regarding soil compaction evaluation (10-20 cm). By lowering the number of sampling points, the RP showed no spatial dependence simultaneously at all depths between 10 and 20 cm. Spatial variability of SRP is influenced by sampling depth and rate. Reductions in the number of sampling points promote a greater error in the SRP estimate by kriging, especially at the layer of interest to soil compaction measurement.
Thesagro: Agricultura de precisão
Compactação do solo
NAL Thesaurus: Soil compaction
Precision agriculture
Geostatistics
Data Created: 2011-12-07
Appears in Collections:Capítulo em livro científico (CNPSO)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
debiasi.ap.pdf1,53 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace