Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/940404
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2012
Type of Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Authors: BORTOLOTTO, O. C.
BUENO, A. F.
SILVA, G. V.
POMARI, A. F.
FRUGERI, A. P.
BARBOSA, G. C.
SIQUEIRA, F.
Additional Information: ORCIAL C. BORTOLOTTO, UFPR; ADENEY DE FREITAS BUENO, CNPSO; GABRIELA V. SILVA, UFPR; ALINE F. POMARI, USP - Ribeirão Preto; ANA P. FRUGERI, FAFICP; GUSTAVO C. BARBOSA, UNIFIL; FÁBIO SIQUEIRA, FESURV.
Title: Impacto da soja Bt sobre os aspectos biológicos de Euschistus heros (Hhemiptera: pentatomidae).
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENTOMOLOGIA, 24., 2012, Curitiba. SEB-40 anos de avanços da Ciência Entomológica Brasileira: anais. [Curitiba]: SEB, 2012.
Language: pt_BR
Description: Atualmente, diversos estudos tem sido realizados para investigar a influência de cultivos Bt sobre organismos não-alvo. Nesse sentido, este trabalho sobre os aspectos biológicos do percevejo-marrom Euschistus heros (Hemiptera: Pentatomidae). A pesquisa foi realizada em condições de laboratório, na Embrapa Soja, Londrina, Paraná. A câmara climatizada foi regulada em temperatura e fotoperíodo de 25±1°C e 14:10 h, respectivamente. Em placas de Petri, foram individualizadas 80 ninfas (repetições) de segundo instar onde foram ofertadas vagens verdes de soja isolinha Bt e não Bt. O delineamento utilizado foi inteiramente casualisado. Durante a fase jovem dos percevejos avaliou-se a duração (em dias) do período ninfal, enquanto para a fase adulta os parâmetros avaliados foram: peso (g) e largura do pronoto (mm). Os dados obtidos foram submetidos à análise da variância com uso do teste de Tukey a 5% de probabilidade. Não foi verificada diferença estatística em nenhum parâmetro biológico avaliado. As médias do período ninfal em soja convencional e soja Bt foram de 23,39 e 23,15 dias, respectivamente. O peso médio de adultos desenvolvidos em soja convencional foi de 0,0721g enquanto em soja Bt foi de 0,0725g. A largura do pronoto (mm) também não diferiu entre os tratamentos, sendo de 8,07 e 8,25 em soja convencional e soja Bt, respectivamente. Esse estudo indica que provavelmente não há influência da soja Bt sobre o desenvolvimento de E. heros, porém recomenda-se que estudos complementares devem ser realizados para avaliar outros parâmetros biológicos da fase adulta, como a fecundidade e viabilidade de ovos, de forma a confirmar esses resultados.
Thesagro: Percevejo.
Data Created: 2012-11-23
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CNPSO)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
17321.pdf78,4 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace