Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/975125
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Cerrados - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 2013
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: STEFANOSKI, D. C.
SANTOS, G. C.
MARCHAO, R. L.
PETTER, F. A.
PACHECO, L. P.
Informaçães Adicionais: DIANE C. STEFANOSKI, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUI; GLENIO C. SANTOS, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUI; ROBELIO LEANDRO MARCHAO, CPAC; FABIANO A. PETTER, UNIVERSIDADE FEDERAL DO MATO GROSSO; LEANDRO P. PACHECO, UNIVERSIDADE FEDERAL DO MATO GROSSO.
Título: Uso e manejo do solo e seus impactos sobre a qualidade física.
Fonte/Imprenta: Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 17, n. 12, p. 1301-1309, 2013.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Sistemas de manejo
Indicadores de qualidade física
Conteúdo: O uso racional do solo tem sido objeto de estudo e discussões em função da busca de alternativas tecnológicas que possibilitem o manejo correto do solo e, consequentemente, uma agricultura sustentável. Objetivou-se, com este trabalho, levantar dados sobre a qualidade físico-hídrica e sua relação com os impactos gerados pelo manejo do solo por meio de uma revisão bibliográfica, contribuindo para melhor conhecimento das informações disponíveis na literatura. O uso de indicadores de qualidade física do solo permite designar práticas adequadas de manejo do solo. Uma análise crítica dos indicadores de qualidade física do solo revela que o índice proposto por Reynolds et al. (2002) possui limitações quanto ao uso, o intervalo hídrico ótimo apresenta bons resultados e o índice S necessita de mais trabalhos com o uso de h (tensão de água no solo) como variável independente. Assim, os indicadores de qualidade física do solo são úteis para avaliação do estado de conservação do solo possibilitando a gestão segura dos recursos naturais; todavia, os indicadores existentes apresentam, como inconvenientes, a elevada complexidade de execução e os custos de obtenção, o que configura oportunidade para o desenvolvimento de novos indicadores de qualidade física do solo. ABSTRACT: The rational use of the soil has been the subject of study and discussion due to search for technological alternatives that allow the adequate management of the soil and consequently, a sustainable agriculture. The objective of this study was to collect data about the hydro-physical quality and its relation to the impacts caused by soil management through a literature review, contributing to better understanding of existing information in the literature. The use of indicators of physical quality of soil permit the designation of most appropriate soil management practices, especially those exposed to intensive agriculture. A critical analysis of indicators of soil quality show that the index proposed by Reynolds et al. (2002) has limitations about its use, the optimal hydric interval presents good results, and the S index needs more works with the use of h (soil-water suction) as the independent variable. Thus, the indicators of physical quality of soil are useful for evaluating the state of soil conservation, to making possible the secure management of natural resources, however, the existing indicators present very high complexity of the implementation and acquisition costs, which configures opportunity for the development of new indicators of physical quality of soil.
Thesagro: Manejo do solo
Cerrado
Compactação do solo
Estrutura do solo
NAL Thesaurus: Soil management
Savannas
Brazil
Management systems
Soil compaction
Soil structure
Ano de Publicação: 2014-01-07
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPAC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
33781.pdf897,37 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace