Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/994190
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 4-Set-2014
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: RAMOS, G. K. de S.
LEMOS, O. F. de
CASTRO, G. L. S. de
SANTOS, L. R. R. dos
Informaçães Adicionais: Gleyce Kelly de Sousa Ramos, BOLSISTA PIBIC; ORIEL FILGUEIRA DE LEMOS, CPATU; Gledson Luiz Salgado de Castro, MESTRANDO UFRA; Lana Roberta Reis dos Santos, DOUTORANDA UFRA.
Título: Auxina e sacarose na rizogênese in vitro de pimenteira-do-reino.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: In: SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 18.; SEMINÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA EMBRAPA AMAZÔNIA ORIENTAL, 2., 2014, Belém, PA. Anais. Belém, PA: Embrapa Amazônia Oriental, 2014.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Pimenta-do-reino
Enraizamento in vitro
Piper nigrum L.
Conteúdo: Piper nigrum L. destaca-se por ser geradora de renda para famílias rurais. A ocorrência de doenças limita a expansão da cultura, assim técnicas in vitro se constituem como ferramentas valiosas para propagar e clonar material elite. Na rizogênese ocorre formação de raízes adventícias associada à ação de reguladores de crescimento. Objetivou-se avaliar diferentes concentrações de ANA (ácido naftalenoacético) e sacarose na rizogênese in vitro de pimenteira-do-reino. Para o desenvolvimento das raízes, o meio de cultura utilizado foi ½ de sais MS com diferentes concentrações de ANA (0,0; 0,5; 1,0 ou 5,0 μM) e sacarose (20, 30 ou 40 g L-1), durante seis semanas, mantidos em sala de crescimento com condições controladas de temperatura e fotoperíodo. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em esquema fatorial 3x4, sendo 3 doses de sacarose e 4 doses de ANA. Foram utilizadas 4 repetições, sendo cada frasco com 10 explantes por repetição. Verificou-se enraizamento de 100% dos brotos usando 0,5 μM de ANA combinada com as três concentrações de sacarose e 1,0 μM de ANA suplementados com 20 e 30 g L-1. Para a indução e o desenvolvimento das raízes são necessárias doses mais elevadas de ANA e sacarose, os quais são promotores do enraizamento e o crescimento dos brotos in vitro.
Thesagro: Ácido Naftalenoacético.
Ano de Publicação: 2014
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPATU)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Pibic1.pdf147,52 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace