Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1106162
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Agrossilvipastoril - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2018
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: DOMICIANO, L. F.
TSCHOPE, G. L.
MOMBACH, M. A.
CARVALHO, P. de
TESK, C. R. M.
ABREU, J. G. de
PEREIRA, D. H.
CABRAL, L. da S.
PEDREIRA, B. C. e
Additional Information: LEANDRO FERREIRA DOMICIANO, UFMT, CUIABA, MT; GABRIEL LUAN TSCHOPE, UFMT, SINOP, MT; MIRCÉIA ANGELE MOMBACH, UFMT, CUIABA, MT; PERIVALDO DE CARVALHO, UFMT, CUIABA, MT; CÁTIA REGINA MACAGNAN TESK, UFMT, CUIABA, MT; JOADIL GONÇALVES DE ABREU, UFMT, CUIABA, MT; DALTON HENRIQUE PEREIRA, UFMT, SINOP, MT; LUCIANO DA SILVA CABRAL, UFMT, CUIABA, MT; BRUNO CARNEIRO E PEDREIRA, CPAMT.
Title: Produtividade e composição morfológica do milho de segunda safra em sistemas integrados.
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SISTEMAS INTEGRADOS DE PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA, 2.; ENCONTRO DE INTEGRAÇÃO LAVOURA-PECUÁRIA DO SUL DE MATO GROSSO, 2., Rondonópolis, 2018. Anais eletrônicos... Mato Grosso: UFMT, 2018.
Language: pt_BR
Keywords: Sustentabilidade
Mato Grosso
Sinop
Description: O milho é uma das culturas com maior flexibilidade e sua utilização na alimentação humana e animal é de grande importância. Na alimentação animal, utiliza-se tanto o grão na fabricação de rações quanto a planta inteira para silagem. No entanto, partindo-se do princípio da produção sustentável, sobretudo em sistemas integrados, as respostas desta planta são pouco estudadas. Deste modo, objetivou-se avaliar a produtividade total e dos componentes morfológicos do milho (Zea mays L.) de segunda safra em sistemas integrados de produção agropecuária. O trabalho foi realizado na Embrapa Agrossilvipastoril, Sinop, MT, com delineamento em blocos casualizados com três repetições. Avaliou-se dois sistemas integrados com árvores (E. urograndis) em linhas simples (ILPFs; 90 árvores ha-1) e em linhas triplas (ILPFt; 240 árvores ha-1) e um tratamento controle sem árvores (Lavoura). Os sistemas integrados foram subdivididos em distâncias (7; 13; 18,5; 24 e 30 m) da linha central dos renques, transversalmente. Colheu-se 10 plantas de milho longitudinalmente aos renques em cada distância nos ILPF ou aleatoriamente no controle para as estimativas de produção total e por componente morfológico e botânico (capim) quando atingiram o estádio fenológico R5. Observou-se que a massa de forragem total no ILPFs foi semelhante ao controle e superior ao ILPFt, bem como a massa de espigas, a qual tem maior representatividade na massa total. Nas distâncias mais próximas à face norte dos renques (7 m), a massa de forragem é menor e aumenta até atingir o máximo na distância de 24 m. Portanto, pode-se concluir que a produção de milho em sistemas integrados com árvores pode ser realizada com pequenas perdas em produtividade.
Thesagro: Silagem
Sinergismo
Milho
Data Created: 2019-02-18
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAMT)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018cpamtbrunopedreiraprodutividademorfologicamilho2safrasistemaintegrado.pdf270,26 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace